Sem categoria

Justiça no Chipre inocenta Uefa de acusações de manipulação

A Justiça no Chipre inocentou nesta sexta-feira a Uefa, de acusações de um ex-jogador grego, que afirmou que a escolha das sedes da Eurocopa de 2012 foi manipulada. Ucrânia e Polônia derrotaram a Itália no pleito.

Spyros Marangos, de 43 anos, atuou por muito tempo defendendo equipes cipriotas. Ele afirmou que os representantes da Uefa receberam cerca de € 10 milhões em 2007 para vender os direitos da Euro de 2012.

As investigações apontaram não haver “informações ou evidências” para manter tais alegações. A Uefa confirmou que o processo que a entidade move contra Marangos, de difamação, ainda está correndo nos tribunais.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo