Mundo

Campeonato Turco será retomado após presidente do Ankaragüçu agredir árbitro – promessa é de punição pesada

O Campeonato Turco foi suspenso após Faruk Koca, presidente do Ankaragüçu, dar um soco no árbitro Halil Umut Meler

Um episódio de violência marcou o Campeonato Turco na última segunda-feira (11). Em desvantagem no placar, o Rizespor chegou ao empate com o Ankaragüçu após cobrança de pênalti assinalada por Halil Umut Meler momentos antes do apito final. A decisão deixou os dirigentes do time da casa indignados, ao ponto do presidente do clube, Faruk Koca, invadir o gramado para agredir o árbitro.

O mandatário do Ankaragüçu acertou um soco no rosto de Meler, que imediatamente foi ao chão. Em seguida, outras duas pessoas começaram a chutar o árbitro turco, rendendo cenas ainda mais lamentáveis. Por conta disso, a Federação de Futebol Turca decidiu suspender a Super Lig. Nesta quarta-feira (13), o presidente da federação, Mehmet Buyukeksi, marcou a data de reinício da competição.

Em entrevista aos jornalistas em Istambul, Buyukeksi confirmou que o Campeonato Turco será retomado na próxima terça-feira (19). Mais do que isso, o dirigente máximo do futebol do país deixou claro que a agressão de Faruk Koca a Halil Umut Meler não passará em branco, prometendo uma punição pesada que esteja no tamanho da infração:

“Jamais permitiremos ataques ou pressões desproporcionais sobre nossos árbitros. Este incidente precisa de se tornar um marco, um ponto de virada para o futebol turco”.

Agressão do presidente do Ankaragüçu ao árbitro mancha Campeonato Turco

O presidente do Ankaragüçu foi preso na terça-feira (12) após agredir o árbitro e a Federação Turca de Futebol interrompeu a Super Lig de forma imediata. Meler foi encaminhado ao hospital, onde foi constatado uma fratura no osso da face, além de inchaços no rosto. Após apresentar queixa formal contra Koca, o juíz relatou que sofreu ameaças de morte enquanto apanhava dentro de campo.

Nesta quarta-feira (13), o árbitro recebeu alta do hospital em Ankara com o olho inchado e roxo, mas sem outros problemas de saúde. Mehmet Yorubulut, chefe médico da unidade de saúde, declarou que a fratura sofrida por Halil Umut Meler vai curar com o tempo. Além disso, o sangramento no olho esquerdo do juíz quase parou completamente.

O presidente da federação disse que o comitê disciplinatório vai decidir nesta quinta-feira (14) a punição para o Ankaragüçu no Campeonato Turco. Buyukeksi também disse que, além do clube, o presidente Faruk Koca, os dirigentes, e todos aqueles considerados culpados de agredirem o árbitro serão “punidos nos termos mais fortes possíveis”.

Após a semana de suspensão, a 16ª rodada da Super Lig, marcada para a próxima terça-feira (19), espera viver dias mais tranquilos. O Fenerbahçe divide a liderança do Campeonato Turco com o Galatasaray, ambos com 40 pontos, mas está na frente pelo critério de desempate.

Já o Ankaragüçu, personagem principal da polêmica no país, ocupa apenas a 11ª posição da Super Lig com 18 pontos, quatro acima da zona de rebaixamento. O Rizespor é o 8º colocado do Campeonato Turco com 22 pontos, quatro abaixo da zona de classificação a competições europeias.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Formado em Jornalismo pela Unesp, é apaixonado por esportes, acima de tudo futebol. Ama escrever sobre o que acontece dentro e fora de campo. Após passar por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia, se juntou à equipe da Trivela com muita vontade de continuar crescendo.
Botão Voltar ao topo