Serie A

Ronaldo Fenômeno: “Mbappé tem características similares às minhas”

Em entrevista à Gazzetta, Ronaldo comentou sobre Mbappé, Cristiano Ronaldo, Serie A e sua Inter

Um dos maiores jogadores de todos os tempos, Ronaldo Fenômeno, ou simplesmente Ronaldo, marcou época jogando no futebol italiano. Atuou por cinco anos na Internazionale, onde também viveu os maiores dramas da carreira com lesões graves. Seu estilo de jogo se tornou marcante e apesar de ter defendido o Milan no final da carreira, segue prestigiado como ídolo dos nerazzurri. Em entrevista à Gazzetta dello Sport, Ronaldo comentou sobre Kylian Mbappé, a seleção italiana, a Internazionale, Cristiano Ronaldo, Milan, Ibrahimovic e José Mourinho.

LEIA TAMBÉM: Ronaldo Nazário: fenômeno em campo, polêmicas, lenda da Seleção e atormentado por lesões

“Mbappé tem qualidades incríveis”

Quando perguntado se ele via algum jogador atual que lembre o seu estilo, ele escolheu Mbappé. “Ele tem características similares às minhas. Ele tem qualidades incríveis, uma técnica marcante e sabe como usar a sua alta velocidade. Ele vai para cima dos defensores, dribla os goleiros, tem habilidades de corrida, como dizem. E ainda que ele seja muito jovem, ele já tem uma longa trajetória. Eu gosto de Mbappé, torço por ele”, disse o Fenômeno.

Champions League

Mbappé joga no PSG, embora tenha deixado claro que gostaria de sair. O clube francês contratou Lionel Messi e já tinha Neymar, além de ter feito contratações de peso, como o goleiro Gianluigi Donnarumma, o zagueiro Sergio Ramos e o meio-campista Georginio Wijnaldum. Com isso, é o grande favorito na Champions League. Ronaldo, porém, lembra que bem sempre ter grandes craques no time significa conquistar o principal título europeu e falou por si mesmo.

“Ainda é muito cedo para entender quem será o campeão, as coisas começam a tomar forma nas quartas de final. O Paris Saint-Germain está na pole position, mas falar é uma coisa, jogar é outra. Muitos fatores influenciam o que acontece em campo”, disse o ex-atacante.

“Eu estive no Real Madrid por quase cinco temporadas, no time Galáctico [que tinha Zinedine Zidane, David Beckham, Luis Figo e outras estrelas] e eu nunca ganhei uma Champions League. Ganhar não é matemático, mesmo se você tiver os melhores no seu time. Isso também se aplica ao PSG”.

LEIA TAMBÉM: Ronaldo: “A Inter está no meu coração e estará para sempre”

Seleção italiana, Serie A e Inter

“A Itália tem uma tradição incrível de futebol e está se recuperando, como ficou provado na Eurocopa”, afirmou o jogador. “A Serie A ainda está alguns passos atrás da Premier League e La Liga, mas a seleção de [Roberto] Mancini é poderosa e cheia de bons e jovens jogadores”.

Quando perguntado quem ele acha que vai ser campeão da Serie A, ele admitiu sua torcida. “Sou torcedor da Inter, tenho uma relação especial com a Inter e sempre torço para que eles vençam. O campeonato passado foi maravilhoso, interrompemos a série de títulos da Juventus. Será lembrado por um longo tempo”, comentou.

“Pena que [Romelu] Lukaku voltou para a Inglaterra, mas é difícil resistir quando os maiores clubes da Inglaterra chamam. O Chelsea usou o seu poder financeiro. Para mim, a grande favorita ainda é a Inter. Lukaku saiu, mas o time continua forte e equilibrado”, analisou Ronaldo. “Eles contrataram [Edin] Dzeko e fez outras contratações significativas, há muitos jogadores interessantes e jovens no grupo”.

Um dos contratados para o ataque da Inter foi Joaquín Correa, que veio da Lazio. O ex-jogador, porém, acredita que Dzeko, que assumiu a camisa 9 de Lukaku, deve brigar por uma vaga no time titular. “Não sei se os dois [Lautaro e Correa] serão titulares na frente. Há também Dzeko. Lautaro certamente irá jogar, mas sim, Martinez e Correa garantem um bom número de gols. A temporada é longa e eles serão usados juntos em muitos jogos”.

LEIA TAMBÉM: Ronaldo diz que briga com Cúper o fez deixar a Inter: “Nunca quis sair, sentia que ficaria a vida toda”

“Cristiano Ronaldo e Juventus foi uma boa história e trouxe benefícios para o futebol italiano

Cristiano Ronaldo deixou a Juventus nesta temporada rumo ao Manchester United, retornando ao clube onde se consagrou mundialmente. Para Ronaldo Fenômeno, o período do português na Juventus foi positivo para o futebol italiano.

“Aquilo entre Cristiano Ronaldo e Juventus foi uma boa história e trouxe benefícios para o futebol italiano, ajudou o mundo a redescobrir a liga, o tornou competitivo novamente nos níveis mais altos”, disse. “Foi uma passagem magnífica. Cristiano preferiu sair, mas a discussão não muda. A Juventus perdeu Cristiano, mas o time ainda é forte. Fiquem atentos, a Juventus é sempre a Juventus”.

O Fenômeno ainda chamou a atenção para a volta de um jogador para a Juventus. “Por exemplo, eles trouxeram um centroavante jovem [Moise Kean] de volta a Turim, de quem eu gosto”.

LEIA TAMBÉM: Ronaldo, o Fenômeno: “Ir para a Inter foi a melhor decisão que tomei”

Sobre o Milan: “O futebol precisa de times históricos”

Ronaldo é mais ligado à Inter, mas teve uma passagem pelo Milan, em 2007 até 2008. Foram 20 jogos pelo clube rossonero, com nove gols. O clube terminou em segundo lugar e voltou à Champions League na temporada passada. “É importante que eles estejam de volta à Champions League, nesse nível. O futebol precisa de times históricos”, disse Ronaldo. “O Milan é competitivo de novo na Serie A e na Europa”.

Uma das melhores histórias da janela de transferências foi a chegada de Junior Messias ao Milan. O brasileiro, de 30 anos, começou tarde no futebol e chegou à Itália para procurar trabalho, nada relacionado ao futebol. Seis anos depois, está no Milan. Ronaldo, porém, admitiu que não conhecia o compatriota.

“Honestamente, não [conheço]. Eu acompanho a Serie A, mas não vi muito na nova temporada, me concentrei em jogadores para serem contratados para o Valladolid”, comentou o ex-jogador.

Ronaldo contou que encontrou com Zlatan Ibrahimovic nas férias, em Ibiza, e elogiou o veterano do Milan. “Ibra é muito forte, os anos não contam para ele. Ele é uma rocha, tem um corpo de alguém de 30 anos, não 40. Ele irá garantir os resultados habituais porque ele sabe como se cuidar e é um super profissional”.

“Ele veio me visitar em Ibiza. Um dia fantástico, nos divertimos, conversamos muito sobre futebol e mais. Ele chegou com sua família, com seus filhos, que são ótimos”, comentou ainda Ronaldo. Ibrahimovic é um conhecido fã de Ronaldo, mesmo antes de ser jogador. O atacante disse, em 2016, que “não havia jogadores como ele antes e não há hoje”.

“Mourinho irá melhorar a Serie A”

A Serie A perdeu Cristiano Ronaldo e Romelu Lukaku, mas ganhou um grande personagem: José Mourinho, que assumiu o comando da Roma. Ronaldo acredita muito no treinador português e no valor que ele pode levar ao Campeonato Italiano.

“Mourinho parece para mim o habitual grande treinador. Ele irá melhorar a Serie A com sua experiência e seu modo de trabalhar. Ele é um dos grandes técnicos no mundo. Tenho certeza que ele irá bem na Roma porque ele é um grande profissional”.

LEIA TAMBÉM:
Para Mourinho, não há dúvida sobre o melhor jogador que viu: “Ninguém supera Ronaldo Fenômeno”
Há 15 anos, França eliminou um Brasil fora de forma e de futebol horrível, que virou alvo de inexplicável nostalgia
Há 20 anos, a Internazionale realizava o sonho de contratar Ronaldo e ele se tornava o Fenômeno

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo