Serie A

Após ser goleada pela Internazionale em casa, Roma se recupera em tempo recorde e bate o Frosinone

Com apresentação terrível de Kaio Jorge no ataque, Frosinone é superado pela Roma dentro de casa por 3x0

Depois de sofrer em casa e ser goleada pela líder Inter de Milão, a Roma fez as pazes com a vitória neste domingo (18). Jogando fora de seus domínios, no estádio Benito Stirpe, La Lupa venceu o Frosinone de forma convincente por 3 a 0, pela 25ª rodada da Serie A Italiana. O zagueiro Huijsen abriu o placar com um golaço, Azmoun marcou o segundo e Leandro Paredes decretou a vitória de pênalti.

Os Giallorossi agora ficam mais tranquilos na 6ª colocação do Campeonato Italiano, com 41 pontos, e encurtam a distância para Bologna e Atalanta, 5º e 4º lugares, respectivamente.

Por sua vez, o Frosinone amarga a terceira derrota consecutiva e volta a ficar em uma situação bem desconfortável na tabela, a apenas 3 pontos da zona de rebaixamento, com 23 somados. O Verona, primeiro time na área de perigo, tem 20, e somente Udinese e Empoli separam os Canários das três últimas posições.

Se já foi difícil contra o sexto colocado em casa, o Frosinone terá um desafio enorme pela 26ª rodada, quando enfrentará o vice-líder Juventus fora de casa. O confronto será no próximo domingo (25), às 8h30 (horário de Brasília). Já a Roma receberá o Torino no Estádio Olímpico, na segunda-feira, às 14h30.

Kaio Jorge desperdiça todas as boas oportunidades; Roma abre o placar

O Frosinone começou bem a partida, se lançando ao ataque e encontrando bons espaços pelo meio-campo. Matías Soulé criou boas oportunidades pelo lado direito, sempre buscando Kaio Jorge dentro da área. E não foram poucas as chances do ex-Santos.

Aos 30 minutos, o centroavante teve o momento perfeito para abrir o placar, quando recebeu na entrada da pequena da Roma. Ele dominou e, meio desequilibrado chutou em cima do goleiro Mile Svilar. Na sequência, ele mesmo aproveitou o rebote e foi travado. Já na terceira tentativa de finalizar a gol, mandou a bola para fora pelo lado esquerdo. Um completo desperdício do ataque.

Depois disso, até os 35 minutos, o camisa 9 ainda teve pelo mais duas chances de marcar, mas errou de novo.

Com a apresentação terrível do brasileiro, quem aproveitou para botar a bola no gol foi o zagueiro holandês Dean Huijsen. Aos 38, ele saiu da defesa sozinho, carrego a bola até a entrada da área, driblou dois marcadores e mandou um chutaço no canto superior direito de Stefano Turati, que não teve qualquer chance de defender.

Roma fecha a conta e faz as pazes com a vitória

Na segunda etapa, mais ajeitada após a entrada de sangue novo, Diego Llorente e Lorenzo Pellegrini, a Roma passou a dominar as ações e encontrou o jogo compacto que procurava.

Foi aí que Sardar Azmoun ampliou o marcador. Após Turati defender meio sem jeito uma finalização de fora da área, Azmoun ficou com a sobra dentro da área, aproveitou o rebote e só tocou no cantinho para fazer o segundo dos Lobos.

Por fim, já perto do encerramento do tempo regulamentar, Leandro Paredes fechou a conta. Caleb Okoli tentou interceptar uma finalização, mas acabou colocando a mão na bola. O VAR chamou o árbitro para revisar o lance e marcou pênalti. Na cobrança, Paredes mandou a bola no cantinho direito, Turati foi para a esquerda e nem saiu na foto.

Botão Voltar ao topo