Serie A

Guia da Série A 2020/21 – Lazio

Este texto faz parte do guia da Serie A. Clique aqui para ver todos os clubes.

Cidade: Roma (Lácio)
Estádio: Olímpico (70.634 lugares)
Fundação: 1900
Apelidos: Capitolinos, Biancocelesti, Biancazzurri, Aquile, Aquilotti
Principal rival: Roma
Participações na Serie A: 78
Títulos: 2
Na última temporada: 4ª posição

Objetivo: vaga na Liga dos Campeões
Brasileiros no elenco: Wallace, Luiz Felipe, Lucas Leiva e André Anderson
Técnico: Simone Inzaghi (6ª temporada)
Destaque: Ciro Immobile
Fique de olho: Luca Falbo

Principais chegadas: Pepe Reina (g, Aston Villa), Mohamed Fares (m, Spal) e Vedat Muriqi (a, Fenerbahçe)

Principais saídas: Guido Guerrieri (g, Salernitana)

Time-base (3-5-2): Strakosha; Luiz Felipe, Acerbi, Radu; Lazzari, Milinkovic-Savic, Lucas Leiva (Parolo), Luis Alberto, Lulic (Fares); Immobile, Muriqi (Correa).

O grande empecilho para a Lazio na última temporada foi o seu próprio elenco. O time de Simone Inzaghi chegou a brigar seriamente pelo scudetto, teve o Chuteira de Ouro da Europa (Immobile, com 35 gols), o líder de assistências da Serie A (Luis Alberto, com 15) e outros atletas, como Acerbi e Milinkovic-Savic, entre os melhores do campeonato. Porém, o futebol não se faz de individualidades e, hoje em dia, nem mesmo de 11 contra 11. Planteis equilibrados e extensos ganham títulos e os celestes não tinham um conjunto com tais características.

A diretoria aposta na correção dessa deficiência e até abusa nesse sentido. Até o fechamento do nosso guia, o plantel da Lazio tem nove peças a mais do que em 2019/20. Certamente, o grupo robusto terá importância para que o clube possa competir em todas as frentes, se equilibrando entre Champions League, que não disputava desde 2007/08, e o Italianão.

De resto, os aquilotti não têm segredo: Inzaghi é o treinador com mais tempo de casa no país e mantém suas ideias em prática. O 3-5-2 segue calcado na solidez defensiva de Acerbi e nas acelerações pelas pontas (principalmente com Lazzari).

Pelo centro, Milinkovic-Savic e Luis Alberto continuarão a buscar Immobile em profundidade. Contudo, algumas novidades no estilo de jogo da Lazio podem surgir com a contratação de Fares, que dará uma alternativa de apoio aguda pelo lado esquerdo, e sobretudo pela chegada do grandalhão Muriqi. O kosovar é uma opção viável para a ligação direta e também acrescenta poder de fogo à já eficiente bola parada laziale.

.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo