Serie A

Chiellini: “A compra de Ronaldo envolveu sacrifícios, e Caldara entrou nessa situação”

Depois de Cristiano Ronaldo, o grande negócio da janela de transferências da Itália envolveu as trocas entre Milan e Juventus. Turim recebeu Leonardo Bonucci de volta, enquanto Milão ficou com Gonzalo Higuaín e Mattia Caldara. Segundo Giorgio Chiellini, um dos líderes da Velha Senhora, a saída do jovem zagueiro de 24 anos foi um sacrifício necessário por causa da chegada do português ex-Real Madrid. 

LEIA MAIS: Um negócio de impacto para a Serie A: Higuaín é do Milan, e Bonucci volta à Juventus

“Ele é um jogador que tinha tudo para se dar bem aqui. Eu entendo que ele entrou em uma dinâmica em que era difícil recusar a transferência, e a Juventus, com relutância, teve que vendê-lo. A dinâmica do mercado é especial. Essa compra (a de Ronaldo) envolveu sacrifícios, e infelizmente Mattia entrou nessa situação”, afirmou Chiellini à Sky Sports italiana

Segundo o veterano, Caldara merecia continuar na Juventus. “Era um garoto em que todos acreditávamos. Esperamos e o observamos, estava tudo preparado. Espero poder lhe dar algo como adversário porque é um garoto que tem muito para dar, do ponto de vista humano, não apenas do futebol”, acrescentou. 

Chiellini acredita que Cristiano Ronaldo será uma injeção de energia na Juventus. “O grupo, depois de tantos anos, precisava de um choque e a chegada dele será exatamente isso: o desejo de elevar seu nível, de se questionar e ir além de seus limites. O entusiasmo não pode virar presunção. Pensar que já vencemos a Champions League seria o erro mais grave. Mas acho que esse grupo, com esse técnico, não corre esse risco”, finalizou. 

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo