Inter e Milan farão um clássico nas quartas de final da Copa Itália. Depois dos rossoneri venceram o Torino nos pênaltis na terça-feira, em um jogo fraco tecnicamente, foi a vez da Inter viver experiência similar. Em um jogo arrastado, os dois times empataram por 1 a 1 no tempo normal e tiveram que decidir a disputa na prorrogação. Parecia que o jogo estava destino aos pênaltis, mas foi no final, aos 118 minutos, que Romelu Lukaku fez o gol da classificação, de cabeça, e eliminou a Fiorentina em vitória por 2 a 1.

LEIA TAMBÉM: Foram 120 minutos sofríveis até que o Milan conseguiu eliminar o Torino nos pênaltis

Passou longe de ser uma boa atuação do time comandado por Antonio Conte. Com uma equipe modificada para rodar o elenco e descansar alguns jogadores, o time mais uma vez ficou devendo futebol. A , também com um time modificado, manteve o nível baixo que tem apresentado ao longo da Serie A e não conseguiu fazer um grande jogo, ainda que tenha tido alguns momentos melhores na partida.

O primeiro gol do jogo aos 40 minutos, em um pênalti que Arturo Vidal cobrou e marcou, com um chute no meio do gol. Foi o seu primeiro gol pela Inter. A Fiorentina quase empatou o jogo no fim do primeiro tempo, quando o árbitro marcou um pênalti que não aconteceu sobre Christian Kouame. Depois de ser chamado pelo VAR e revisar o lance no monitor, anulou a marcação.

O empate da Fiorentina veio com Kouamé na segunda etapa, quando dominou uma bola na entrada da área e chutou bonito para marcar 1 a 1. O jogo teve chances dos dois lados até o fim do tempo regulamentar, com o goleiro Terracciano fazendo uma grande defesa em uma cabeçada de Lukaku (que entrou no segundo tempo, no lugar de Lukaku).

Com o tempo regulamentar esgotado, o jogo foi para a chatíssima prorrogação, que normalmente só serve para estender o sofrimento dos torcedores por jogos que não saem da igualdade. Só que no fim da prorrogação, aos 118 minutos, Nicolò Barella levantou a bola na área e Lukau, de cabeça, tocou para marcar o gol da vitória e da classificação da Inter: 2 a 1.

A vitória significa que a Inter enfrenta o Milan nas quartas de final. A vitória e a classificação vieram, mas o futebol foi fraco. Lukaku, o herói do jogo, falou sobre como a Inter não consegue ser consistente ao longo do jogo. “Eu não sei o que aconteceu, mas nós estamos trabalhando e já discutimos sobre isso depois do jogo contra a Roma. Isso não deveria acontecer, mas nós somos um time jovem, nós estamos aprendendo com esses momentos e estamos trabalhando duro para melhorar”, afirmou.

No fim de semana, o desafio será contra a Juventus, que já derrubou a invencibilidade do Milan. “Será um jogo muito tático entre dois times que estão fazendo grandes coisas nesta temporada. Nós estamos prontos e devemos nos preparar bem para este jogo”, comentou Lukaku.

Ficha técnica

Melhores momentos