Itália

Juventus apresenta uniforme 2021/22 com a boa e velha estética clássica

Camisa nova traz as listras simétricas pretas e brancas, sem muita novidade, mas com a beleza que os clássicos trazem

A Juventus revelou nesta semana a camisa que usará na próxima temporada, 2021/22. A Adidas, a fabricante, trouxe uma camisa sem grandes novidades. Não pense que isso é ruim, ao contrário: a camisa é simples, básica e, por isso mesmo, muito bonita. As listras simétricas em preto e branco, com um equilíbrio decores – exceto por um ponto do patrocínio que sai da combinação alvinegra.

Segundo a própria Adidas, é uma estética clássica “inspirada pelo estádio que os jogadores e torcedores orgulhosamente chamam de casa desde 2011”, ou seja, há 10 anos. A data foi usada como motivo, mas, na prática, tem pouco a ver com a estética da camisa. Ela é um modelo simples e bonito, que faz com que os torcedores fiquem tranquilos e satisfeitos com o que veem. A camisa traz a inscrição “10 years at home”, assim mesmo, em inglês, na parte de trás da gola.

Assim como outras camisas da Adidas, é feita com o Primegreen, material de alto desempenho feito com materiais recicláveis. Segundo a marca alemã, “a sustentabilidade está no coração da inovação”. O uniforme traz também a tecnologia HEAT.RDY – KEEP COOL, que faz regulação de temperatura do atleta. Esta é uma tecnologia usada na camisa de jogo, mas segundo a Adidas, ela estará presente nos modelos réplica, mais vendidos ao público, pelo uso da tecnologia AEROREADY – FEEL READY, mantendo os torcedores confortáveis e prontos para absorver a umidade e mantendo um sentimento de secura.

O uniforme foi vestido pela primeira vez na final da Copa da Itália, nesta quarta-feira, na vitória por 2 a 1 sobre a Atalanta. A camisa estará disponível na loja online do site da Adidas e, segundo a marca, estará nas lojas selecionadas a partir do dia 25 de maio.

Cristiano Ronaldo, da Juventus, com a nova camisa no jogo contra a Atalanta (Imago / OneFootball)

E aí, o que você achou da camisa?

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo