EuropaItáliaLeste EuropeuLiga Europa

Coutinho faz golaço e reservas da Inter passam pelo Neftchi

Depois de tropeçar na estreia, a Internazionale viajou até o extremo leste do continente para conquistar sua primeira vitória na Liga Europa. Mesmo com uma equipe repleta de jogadores reservas, os nerazzurri não foram a passeio ao Azerbaijão e bateram o Neftchi Baku por 3 a 1, em placar construído durante o primeiro tempo. Os italianos dividem a liderança do Grupo H com o Rubin Kazan, ambos com quatro pontos.

A Inter precisou de apenas dez minutos para inaugurar o marcador. Freddy Guarín arrancou pelo lado direito do ataque e tocou na medida para Philippe Coutinho. Livre de marcação, o brasileiro deu um belo toque de letra para anotar um golaço. Na sequência, o Neftchi até tentou sair um pouco mais para o ataque, mas levava pouco perigo à meta nerazzurra.

Aos 30 minutos, em mais uma jogada pela ponta, Guarín rolou para Joel Obi completar dentro da área e ampliar a diferença. Já o terceiro tento veio pouco antes do intervalo, em chute desviado pela defesa que Marko Livaja mergulhou para desviar para as redes, de peixinho.

No início do segundo tempo, o Neftchi até esboçou uma reação ao diminuir a diferença. Julius Wobay cruzou rasteiro e, da pequena área, Nicolás Canales escorou. Entretanto, os anfitriões pararam por aí. A Inter continuou mais ativa no ataque e criando as melhores chances, enquanto somente no fim o time de Baku voltaria a pressionar, sem resultado.

Russos mostram suas forças

Na outra partida da chave, o Rubin Kazan teve o domínio sobre o Partizan Belgrado para assegurar vitória por 2 a 0. Finalizando mais e com maior posse de bola, os russos chegaram ao primeiro tento aos 44 minutos, com Gökdeniz Karadeniz. No início da segunda etapa, Roman Eremenko deu o passe e Aleksandr Ryazantsev fechou o placar.

Já pelo Grupo A, o Anzhi conquistou seu primeiro triunfo na competição ao vencer o Young Boys por 2 a 0. Jogando no estádio Lokomotiv, em Moscou, o time de Makhachkala foi mais incisivo no ataque e chegou ao primeiro gol em penalidade cobrada por Samuel Eto’o, aos 16 minutos do segundo tempo. E o camaronês repetiria a dose, anotando mais um nos acréscimos.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo