InglaterraPremier League

West Ham perde na cerimônia de abertura da nova casa, mas com festa e uniforme maravilhosos

O West Ham abriu oficialmente as portas da nova casa neste domingo. Para participar da cerimônia de abertura do Estádio Olímpico, os Hammers convidaram um clube com os quais têm uma certa identificação, segundo o próprio presidente. A Juventus. E isso sem que os dois times tenham se enfrentado em ocasiões anteriores. A Velha Senhora aceitou participar da festa, foi à Londres e acabou tomando o protagonismo dentro de campo. Mesmo assim, a celebração por parte dos donos da casa foi maravilhosa. A junção das homenagens, da vibração da torcida e da estreia do uniforme comemorativo fizeram este dia ser histórico.

LEIA TAMBÉM: West Ham inaugura casa nova e finalmente sopra bolhas no Estádio Olímpico

Os Hammers usaram pela primeira vez a terceira camisa, que nada mais é do que uma homenagem ao Thames Ironworks, clube que deu origem ao West Ham. No entanto, o novo fardamento parece não ter dado muita sorte aos anfitriões. Com 20 minutos de bola rolando, a Juventus já fazia 2 a 0 sobre a equipe da casa. Gols de Paulo Dybala e Mario Mandzukic. Porém, Andy Carroll conseguiu empatar a partida ainda no primeiro tempo, com dois tentos de cabeça. No meio tempo entre o gol que deixou tudo igual e o lance em que Zaza colocou os bianconeri à frente no placar de novo e fechou o marcador, Dimitri Payet entrou em campo. Muito, mas muito ovacionado pela torcida. A qual, aliás, promoveu uma festa incrível nas arquibancadas.

West-Hamm

Mostrar mais

Nathalia Perez

Jornalista em formação trabalhando a favor de um meio esportivo mais humano. Meus heróis sempre foram jogadores de futebol, mas hoje em dia são muito mais heroínas.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo