Inglaterra

Torcedora do Middlesbrough é banida de estádios ingleses por “fazer confete” com o Alcorão

Julie Phillips tem 50 anos, torce para o Middlesbrough e está proibida de entrar em qualquer estádio inglês por três anos. O motivo? No último mês de maio, levou um Alcorão, o livro sagrado do islã, para um jogo fora de casa contra o Birmingham e, nas suas próprias palavras, utilizou-o para “fazer confete”. Na época, foi apenas multada em R$ 3 mil, mas a polícia de Cleveland perseguiu o caso para que ela fosse banida.

LEIA MAIS: Ela se vestiu de homem para ver um jogo de futebol na Arábia Saudita e foi presa

Em um país com aproximadamente 3 milhões de muçulmanos, rasgar o Corão para animar um jogo de futebol foi considerado um “assédio racial grave” pela Justiça inglesa. Parte dos 700 torcedores do Middlesbrough no estádio St. Andrews naquele dia sentiu-se desconfortável com o que estava acontecendo, mas outra parte, que ajudou Phillips a rasgar o livro, gritava “Inglaterra”, de acordo com o testemunho do fiscal John Newbould.

Um grito nacionalista que basicamente mata a defesa da acusada, que alegou não saber que se tratava do Alcorão quando começou a arrancar as páginas. Também disseram à corte que Phillips afirmou a um comissário que iria começar a rasgar o livro muçulmano.

A mulher de 50 anos, torcedora do Middlesbrough “a vida inteira”, já havia sido banida para sempre do estádio do seu clube porque não é a primeira vez que bebe demais e faz besteira. Ano passado, foi presa por ofensas racistas a um fiscal e, voltando de outro jogo, agrediu verbalmente a polícia de trânsito britânica e ameaçou um grupo de fãs. Um doce de pessoa, como podemos perceber.

 

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo