Inglaterra

SPL se diz a favor de Liga Atlântica

A Scottish Premier League mostrou-se aberta para conversar sobre a criação da Liga Atlântica. O torneio, defendido por Celtic e Rangers, seria disputado por grandes equipes de alguns países europeus que têm menos condições de concorrer financeiramente com Espanha, Inglaterra, Itália e Alemanha.

Apesar da aproximação de um acordo, ainda há pontos de discordância. Walter Smith, diretor do Rangers, declarou que a Liga Atlântica teria jogos aos fins-de-semana, enquanto que os clubes usariam times reservas em seus campeonatos nacionais.

No entanto, a liga escocesa responde que qualquer avanço nesse aspecto só seria possível em médio ou longo prazo. “Temos um contrato de transmissão com a (emissora de TV) Setanta Sports até 2014 e não há discussão para mudá-lo”, afirmou a SPL em comunicado. A entidade se diz a favor do campeonato multinacional se for usado como ferramenta para melhorar o futebol escocês como um todo.

A Liga Atlântica não é um projeto novo. A idéia surgiu há alguns anos, quando clubes de Escócia, Portugal e Holanda começaram a se sentir prejudicados pelo enriquecimento enorme das principais ligas européias, o que deixou grandes equipes de países médios para trás.

Além de escoceses, portugueses e holandeses, equipes da Escandinávia também fariam parte desse campeonato. Assim, haveria um torneio longo com times tradicionais e apelo comercial, o que poderia gerar alguns milhões de euros a mais para o caixa dos clubes.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo