InglaterraPremier League

Sem Agüero, Manchester City encara perigoso Sunderland

Depois de perder a liderança e ver o Manchester United abrir quatro pontos de vantagem na liderança do Campeonato Inglês, o Manchester City entra em campo neste sábado tentando voltar aos melhores dias e manter-se na corrida pelo título. O time terá pela frente um adversário complicado: o Sunderland do técnico Martin O’Neil.

O técnico Roberto Mancini terá que escalar o time sem o seu principal artilheiro, Sergio “Kun” Agüero, machucado. Em entrevista na manhã desta terça, o treinador italiano classificou a lesão do argentino como “estúpida”, sem dar mais detalhes. O jogador pode ficar fora de mais jogos e tornou-se uma preocupação. Com isso, Carlos Tevez pode ter mais espaço para jogar.

Uma das razões da perda da liderança é o desempenho fora de casa. Nos últimos nove jogos fora de seu estádio, o City venceu apenas dois. Em casa, porém, o desempenho é assustadoramente positivo. Mais do que isso, é perfeito em termos de resultados: 15 jogos, 15 vitórias.

Vincent Kompany, capitão do time, pode voltar à equipe. Joleon Lescott, porém, deve ficar fora. Kolo Touré e Micah Richards formaram a zaga nas últimas partidas e a dupla pode voltar a ser escalada, dependendo das condições de Kompany.

No Sunderland, Wayne Bridge é desfalque, já que está emprestado pelo City. O time conta com Sebastian Larsson, Stephane Sessegnon e Nicklas Bendtner são as esperanças para os Black Cats conseguirem um surpreendente resultado no estádio Etihad.

Arsenal, em ascensão, encara derby londrino com QPR

Tirar a terceira posição do Tottenham na Premier League foi uma injeção de animação no Arsenal, que abriu quatro pontos para as arquirrivais e enfrenta o Queens Park Rangers, no Loftus Road. Além do desempenho fantástico de Robin van Persie, artilheiro da Premier League, os Gunners contaram com uma subida de desempenho de Tomas Rosicky e Theo Walcott, além das entradas sempre perigosas do jovem Alex Oxlade-Chamberlain.

Além destes, outros dois jogadores têm se destacado, de maneira mais discreta, mas com um papel importante para o time: Alex Song e Mikel Arteta. Os dois têm atuado dando força ao time na saída de bola e na marcação, criando as jogadas de ataque do time.

Thomas Vermaelen começará o jogo na defesa, provavelmente ao lado de Laurent Koscielny, que se recupera de lesão. Se Koscielny não puder jogar, quem entra é Johan Djourou. Aaron Ramsey, Rosicky, Walcott e Van Persie serão as armas mais ofensivas do time de Arsène Wenger.

O QPR, por sua vez, precisa de pontos para se afastar da zona do rebaixamento, que acupa neste momento, com 25 pontos e em 18º lugar. Depois da vitória contra o Liverpool – um surpreendente 3 a 2 depois de estar perdendo por 2 a 0 até o final do segundo tempo -, o time não conseguiu repetir o bom desempenho e caiu diante do Sunderland. Desta vez, em casa, a equipe espera surpreender novamente um time grande.

Andy Carrol enfrenta Newcastle pela primeira vez como jogador do Liverpool
O atacante Andy Carrol irá pela primeira vez ao estádio St. James’ Park enfrentar o Newcastle como jogador do Liverpool. Vindo de duas vitórias, o Newcastle tentará vencer o Liverpool para continuar sonhando com uma vaga na Liga dos Campeões, já que tem 50 pontos e está a cinco do Tottenham.

A camisa 9 de Carroll agora é de Papiss Cissé, contratado em janeiro para fazer dupla de frente com seu compatriota, Demba Ba, artilheiro do time na temporada. Além dos dois, o francês Hatem Bem Arfa é outro destaque.

No Liverpool, Carroll deve começar jogando ao lado de Luis Suárez no ataque. Steven Gerrard e Jay Spearing devem formar a dupla de meio-campo, com Dirk Kuyt e Stewart Downing pelos lados do campo. Nenhum desses jogadores faz uma temporada regular, o que explica um pouco do desempenho do time na temporada – é apenas o sétimo colocado, com 42 pontos.

Em outros jogos, o Tottenham terá pela frente o Swansea em casa precisando vencer para não ficar longe demais do Arsenal, terceiro colocado. O time de Harry Redknapp tem obrigação de vencer para seguir vivo na briga. Vale o mesmo para o Chelsea, que terá pela frente o Aston Villa, fora de casa. Com 50 pontos, os Blues tentam manter a boa fase recente e buscar uma das vagas na Liga dos Campeões.

Na segunda-feira, o Manchester United fecha a rodada enfrentando o Blackburn, fora de casa.

Confira os jogos da 31ª rodada da Premier League:

Sábado, 31/mar
Aston Villa x Chelsea
Everton x West Bromwich
Fulham x Norwich
Manchester City x Sunderland
Queens Park Rangers x Arsenal
Wigan x Stoke
Wolverhampton x Bolton

Domingo, 1/abril
Newcastle x Liverpool
Tottenham x Swansea

Segunda, 2/abril
Blackburn x Manchester United

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo