Copa da InglaterraInglaterra

Quatro minutos de felicidade eterna do Wigan

O placar do estádio Goodison Park marcava 0 a 0 aos 29 minutos do primeiro tempo. Empatavam Everton, o mandante, e Wigan, pela Copa da Inglaterra. Os Toffees, claro, eram favoritos. Só que quatro minutos depois, o placar já marcava 3 a 0 para o Wigan, que foi capaz de manter até o final e fazer história: o time chega pela primeira vez à semifinal da competição.

Maynor Figueroa abriu o placar para o Wigan aos 30. Aos 32, Callum McManaman ampliou para 2 a 0 e um minuto depois Jordi Gómez fez 3 a 0. Em quatro minutos, o Wigan marcou três gols e não deu nem tempo para o Everton respirar. Em um piscar de olhos, sua tarefa se tornou muito difícil.

Além dos três gols, que são uma grande vantagem, o Wigan conseguiu a vantagem psicológica sobre os adversários. O Everton ficou atordoado e, embora tentasse diminuir ainda no primeiro tempo, parecia impotente em relação ao desafio. O segundo tempo mostrou que o Everton não teve forças suficientes para buscar. Desorganizado, o time foi caindo de produção, deixando evidente que a classificação seria do Wigan.

Os Latics agora esperam a definição dos outros semifinalistas, ainda neste fim de semana, para o sorteio definir quem será o adversário. Manchester City e Barnsley se enfrentam neste sábado, assim como Milwall e Blackburn. No domingo, Manchester United e Chelsea decidem a última vaga na semifinal.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo