Premier League

Creche do tio Klopp ganha veteranos e Liverpool segue sua briga por mais uma taça

Após ser campeão da Copa da Liga Inglesa e se classificar na Copa da Inglaterra, Liverpool volta a dar atenção à Premier League

O Liverpool segue sua turnê de despedida do técnico Jürgen Klopp, que anunciou recentemente que deixará o clube após nove anos ao final da atual temporada. Na semana passada, conquistou o título da Copa da Liga Inglesa ao vencer o Chelsea e, na quarta-feira (28), seguiu vivo na Copa da Inglaterra ao vencer o Southampton por 3 a 0. Neste jogo, chamou atenção a média de idade do time titular dos Reds, de 23,4 anos. Contra o Nottingham Forest, neste sábado (2), pela Premier League, a ‘creche' de Klopp volta a campo, mas com importantes e veteranos reforços.

O Liverpool e Jürgen Klopp seguem sendo vítimas de um departamento médico abarrotado, que tem nada menos do que 12 atletas em tratamento, entre aqueles que com certeza não estarão disponíveis hoje e aqueles que poderão até estar em campo. No segundo grupo, por exemplo, está Mohamed Salah, que nesta temporada vive momento ótimo em campo, mas, desde janeiro, tem passado por uma série de lesões que o afastaram dos gramados e atrapalharam os planos dos Reds, atualmente líderes da Premier League, mas seguidos de perto pelo Manchester City.

Do outro lado estará o Nottingham Forest, que também jogou no meio de semana pela Copa da Inglaterra, mas teve destino bem diferente do rival deste sábado: foi eliminado pelo Manchester United com um gol de Casemiro no finalzinho da partida. Agora, foca totalmente na Premier League, competição na qual está em situação beirando o desespero: com o retorno de alguns pontos ao Everton, acabou caindo uma posição e hoje é o primeiro time fora da zona do rebaixamento, apenas quatro pontos acima do Luton Town.

Como o Liverpool chega para o jogo contra o Nottingham Forest

Campeão da Copa da Liga Inglesa, classificado na Copa da Inglaterra, nas oitavas de final da Liga Europa e liderando a Premier League: a situação do Liverpool a essa altura da temporada beira à perfeição e vai fazendo da despedida de Klopp um evento e tanto — e recheado de conquistas, ao que tudo indica. Porém, a perseguição de perto do Manchester City, com quem fará confronto direto neste março, é algo que os Reds definitivamente precisam se preocupar.

Diante de um adversário muito mais frágil como o Nottingham Forest, o Liverpool, mesmo jogando fora de casa, terá a obrigação de vencer para continuar tranquilo (ou o mais próximo disso que puder) na liderança da Premier League. Para isso, contará com alguns ‘reforços' veteranos que não estiveram em campo na Copa da Inglaterra e se juntarão aos meninos que Klopp vem lançando.

Existe a chance de quatro dos 12 jogadores no departamento médico do Liverpool estarem disponíveis para o jogo: são eles os atacantes Darwin Núñez e Mohamed Salah e os meio-campistas Wataru Endo e Dominik Szoboszlai. As definições, no entanto, deverão ser feitas apenas horas antes da partida, quando as escalações oficiais das duas equipes forem divulgadas.

Como o Nottingham Forest chega para o jogo contra o Liverpool

A mudança na tabela da Premier League após o retorno de quatro dos dez pontos deduzidos do Everton acabaram fazendo com que o Nottingham Forest ficasse ainda mais ameaçado de rebaixamento, ficando literalmente na boca da zona do descenso, com apenas quatro pontos a mais do que o Luton Town. Por isso, a derrota para o Liverpool, que seria o resultado mais esperado e normal, pode acabar tendo repercussões catastróficas para o Forest.

O Nottingham Forest se reforçou na janela de janeiro, com a chegada, por exemplo, da promessa norte-americana Giovanni Reyna. Não conseguiu, no entanto, fazer com que as chegadas refletissem em campo e rendessem mais vitórias. Nas últimas cinco partidas que disputou pela Premier League, venceu apenas um e, não à toa, tem caído pelas tabelas.

Chama atenção a campanha ruim do Nottingham Forest muito pelo fato de ser um time recheado com boas promessas do futebol. Casos, por exemplo, do lateral direito Neco Williams e do zagueiro brasileiro Murillo, tidos como dos mais promissores em suas posições na Europa. Ainda possuem Danilo, volante ex-Palmeiras, outro que conta com muita expectativa em torno de seu futebol. No entanto, seguirá sem poder contar com o lesionado Chris Wood, artilheiro do time na Premier League, o que tem dificultado demais as coisas.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo