Copa da InglaterraInglaterra

Patinho feio, Milner salva o Manchester City em pleno aniversário

Vencer o Sheffield Wednesday não parecia uma tarefa tão difícil antes do jogo, ainda mais com a equipe escalada pelo técnico Manuel Pellegrini. O rico elenco do Manchester City tinha tudo para eliminar o time da segunda divisão sem muitos problemas. É, mas acontece que os visitantes arrancaram um gol em contra-ataque no primeiro tempo e engrossaram o caldo até os acréscimos da etapa final, quando James Milner marcou o gol da vitória e definiu o jogo em 2 a 1. Milner, o patinho feio de um elenco recheado de estrelas, mas que recorreu a ele quando ficou sem atacantes. E dá para dizer que ele fez a sua parte.

FM: Quando não está jogando tênis, Andy Murray também é um fanático por Football Manager
LIVERPOOL: Gerrard: “Se tivesse conhecido Rodgers há 10 anos, teríamos ganhado muitos títulos”
CHELSEA: [Vídeo] Terry não tem muita paciência com torcedor adversário folgado

Milner não atuou como referência no ataque como aconteceu em jogos recentes do Manchester City, mas mesmo na sua posição o jogador não conseguiu impressionar. Recebeu um voto de confiança do técnico para seguir adianta na partida, mesmo com o Sheffield Wednesday vencendo por 1 a 0 e o City mal em campo. Incluindo ele mesmo. Mesmo assim, foi dele o gol de empate aos 21 minutos, depois do City ver Nuhui abrir o placar em um contra-ataque rápido pela direita. Com o empate, o City foi só pressão.

O gol da virada só viria nos acréscimos, novamente com Milner, e foi um gol essencial. Disputando tantas competições, tudo que o Manchester City não precisava era empatar o jogo e ter que disputar outra partida, o chamado replay, no dia 24 de janeiro. Mais um jogo para congestionar o já farto calendário do time seria terrível. O gol, então, tem um grande peso exatamente por isso. Mas também tem um valor especial para Milner.

Aos 29 anos, completados neste domingo, o jogador da seleção inglesa tem o seu contrato só até o fim da temporada com o Manchester City. Ainda não se saber se ele receberá uma oferta para renovação, mas o fato de estar sendo usado de formas diferentes e, na maioria das vezes, corresponder, é no mínimo uma boa forma do jogador mostrar que tem o seu valor e pode ser útil a outra equipe. É bem possível que ele tenha alguns bons interessados no empenho e versatilidade do jogador. Alguém?

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo