Copa da Liga InglesaInglaterra

Meias do United deitaram e rolaram na vitória do Manchester United sobre o Brighton

O meio-campo do Manchester United, que já foi considerado um dos principais problemas do time, foi determinante na vitória por 3 a 0 sobre o Brighton, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa da Liga Inglesa – e olha que nem contou com a presença de Bruno Fernandes.

Solskjaer escalou uma equipe bem reserva com Scott McTominay e Fred mais recuados e Donny van de Beek e Juan Mata na linha de armadores ao lado de Daniel James, com Odion Ighalo à frente. No segundo tempo, lançou Paul Pomba no lugar de James e todos esses jogadores de meio-campo estiveram envolvidos nos três gols.

Mata havia dado um bom passe para Ighalo driblar o goleiro antes de chutar para fora, aos 17 minutos do primeiro tempo. O Brighton criou algumas oportunidades na sequência, sempre com arremates de média distância. Um deles, de Alireza, exigiu boa defesa de Dean Henderson. Aos 44, Juan Mata cobrou falta com perfeição da direita, e McTominay cabeceou firme para fazer 1 a 0.

No segundo tempo, Henderson impediu que o Brighton complicasse a partida com uma grande defesa em batida à queima-roupa de Leandro Trossard e, cinco minutos depois, Fred deu o passe rasteiro para Van de Beek emendar de calcanhar para Mata. De perna direita, o espanhol ampliou para 2 a 0.

Aos 35 minutos, Pomba fechou o placar com uma linda cobrança de falta.

.

.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo