Inglaterra

Liderado por Reece James, Chelsea embala no segundo tempo e goleia o Burnley

James marcou um belo gol, deu assistência, e o Chelsea terminou uma semana conturbada com goleada

O Chelsea precisou de menos de dez minutos no segundo tempo para abrir 3 a 0 contra o Burnley neste sábado no Turf Moor e contou com mais um gol de Christian Pulisic minutos depois para fechar a goleada por 4 a 0 que oferece alívio após uma semana das mais complicadas.

O campeão europeu e mundial foi derrotado nos pênaltis pelo Liverpool no último domingo na final da Copa da Liga, e na quarta-feira descobriu que Roman Abramovich havia colocado o clube à venda, horas antes de suar para virar seu jogo de oitavas de final contra o Luton Town pela Copa da Inglaterra.

No primeiro tempo até pareceu que o time de Thomas Tuchel, novamente com Romelu Lukaku no banco de reservas, teria outra tarde complicada contra o Burnley, tentando se afastar da zona de rebaixamento. Houve chances demais para os donos da casa contra uma das melhores defesas do mundo.

Como aos 17 minutos, quando Aaron Lennon recebeu nas costas da defesa pela direita e tocou para trás. Wout Weghorst pegou de primeira, e Thiago Silva teve que cortar em cima da linha. Eleito melhor goleiro do mundo, Edouard Mendy cometeu um raro erro ao sair do gol, mas Dwight McNeil não conseguiu direcionar o rebote, apesar de estar bem livre.

Mas logo no segundo minuto da etapa final, Reece James recebeu pela direita e não teve piedade do seu marcador. Abriu para a perna direita, cortou para a esquerda e voltou à direita, fazendo McNeill balançar, e bateu rasteiro para marcar o primeiro gol.

Pouco depois, ele trabalhou com Pulisic, que cruzou de canhota à segunda trave, onde Havertz apareceu para cabecear com firmeza e ampliar a vantagem do Chelsea. Cruzamento rasteiro de James encontrou Havertz dentro da pequena área, e bastou um toque para as redes vazias para sair o terceiro gol.

Pulisic teve ainda mais facilidade para marcar o quarto, principalmente porque James Tarkowski tentou cortar um cruzamento da esquerda e acabou matando a bola bonitinho para o norte-americano fechar a goleada que deixa o Chelsea com 53 pontos, a 13 do líder Manchester City, com um jogo a menos.

.

.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo