InglaterraPortugal

Fulham contrata João Palhinha, e mais um talento deixa o Campeonato Português

O volante de 26 anos da seleção portuguesa fechou contrato de cinco temporadas com o Fulham, que pagou € 20 milhões

Se o Manchester United está de olho em todos os destaques possíveis do Campeonato Holandês, outros clubes da Europa estão prestando atenção em Portugal. E mais do que apenas os grandes. O Fulham anunciou nesta segunda-feira a contratação do volante João Palhinha, um dos destaques do título do Sporting e frequentemente utilizado por Fernando Santos na seleção portuguesa desde que estreou em março do ano passado.

Ele segue o mesmo caminho de outros dois talentos do Campeonato Português. O atacante Darwin Núñez foi escolhido pelo Liverpool para substituir Sadio Mané no seu trio de ataque, e Fábio Vieira, também muito jovem, se mudou para o Arsenal. O Paris Saint-Germain cumpriu a palavra de se afastar um pouco das grandes estrelas e apostou no talento de Vitinha. Menos badalado, o goleiro Mile Svilar trocou o Benfica pela Roma.

Portugal sempre foi um celeiro de craques, mas chama a atenção que a maioria desses jogadores estão sendo negociados com centro mais caros sem nem chegar a 100 jogos pelas suas equipes. O que mais se aproximou dos citados acima foi Núñez, com 84 pelo Benfica. Vieira chegou a 75 pelo Porto, e Vitinha, 59. Mais experiente, aos 26 anos, Palhinha fez 94 jogos pelo Sporting, mas também teve uma passagem importante de duas temporadas pelo Braga.

Formado na base dos Leões, Palhinha começou a ser utilizado de verdade no time principal no ano do título, após empréstimos para Braga, Belenenses e Moreirense. Participou de 32 das 34 rodadas da campanha que quebrou o jejum de 19 anos do Sporting. Um ponto de equilíbrio no meio-campo. Tem tendências mais defensivas e força física, com 1,90 metros de altura, e será importante para a transição dos londrinos à Premier League.

O Fulham subiu com uma dupla de meio-campo formada por Harisson Reed e Tom Cairney, que se mostrou abaixo das exigências da elite inglesa na última participação do clube, em 2020/21. Palhinha está mais acostumado ao alto nível, inclusive físico, e é um jogador de seleção portuguesa, no fim das contas. Um bom reforço para ajudar a tentar evitar o terceiro rebaixamento seguido.

“Estou muito feliz de estar aqui. É uma grande oportunidade para mim, para minha carreira, de jogar no que é, na minha opinião, a melhor liga do mundo. Assinei com um grande clube. O clube me queria e eu escolhi o clube, então prometo aos torcedores que farei meu melhor e espero ganhar tantas coisas nesta temporada”, disse o volante, que fechou contrato até 2027, com opção de mais uma temporada exercida pelo clube.

O Fulham fez muitos investimentos nas últimas duas vezes em que subiu, mas não conseguiu evitar o retorno à segunda divisão. Por enquanto, está um pouco mais comedido. Palhinha, que custou € 20 milhões, um valor bem razoável, foi o primeiro negócio desde o acesso mais recente.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo