Inglaterra

Ferguson rebate críticas de Benitez

Após vitória por 3 a 0 no clássico contra o Chelsea, o técnico do Manchester United, Alex Ferguson, respondeu de forma irônica às críticas do colega do Liverpool, Rafa Benitez, que o acusou de sempre sair impune de suas reclamações da arbitragem.

“Havia muito veneno no que ele disse. E não entendo de onde veio”, disse o técnico dos Red Devils. “Quando ele parar para refletir sobre o que disse, perceberá que é ridículo. Ele obviamente está perturbado com alguma coisa”, completou.

Ferguson se recusou a entrar em mais detalhes na discussão, acreditando que sua vitória de 3 a 0 sobre o time comandado por Scolari já fala por si só. Com o resultado os Red Devils estão cada vez mais próximos de alcançar o líder Liverpool, já que estão a apenas cinco pontos do topo, com dois jogos a menos. “Neste momento, eu só quero me concentrar na perseguição ao líder, que é o Liverpool”, completou o treinador.

Benitez lançou seu ataque em uma conferência na sexta-feira, quando disse também que Ferguson estaria nervoso pelo fato do Liverpool estar na liderança do campeonato inglês, além de acusá-lo de manipular a arbitragem com os seus comentários. “Ele se queixa dos árbitros semana após semana, se queixa do calendário, de tudo, isso não é certo”, afirmou Benitez na ocasião.

A atitude de Benitez, que parece ter sido desencadeada pelo comentário do colega de que seu nervosismo poderia afetar a busca do Liverpool pelo título, provocou intenso debate. A FA deve analisar os comentários do espanhol e decidir se tomará alguma atitude contra ele.

O técnico do líder da Premier League garante que tem recebido apoio. “Eu posso garantir que muita gente tem me mandado diversas mensagens, não só para mim, mas para toda a equipe do Liverpool”, disse ele.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo