InglaterraPremier League

Diego Costa voltou ao seu melhor estilo: marcando gol e dando vitória ao Chelsea

A polêmica em torno de Diego Costa na última semana foi muito, mas muito grande. A proposta da China foi tentadora e pareceu balançar o atacante, houve rumores de desentendimento com o técnico Antonio Conte. Mas ele voltou e muito bem. Contra o Hull City, neste domingo, ele foi um dos responsáveis pela vitória por 2 a 0. Marcou o primeiro gol e, como sempre, foi infernal para os zagueiros e ganhou o carinho da torcida com gritos de “Diego, Diego”.

LEIA TAMBÉM: Haja coração! Arsenal vai da tristeza do empate à loucura da vitória nos últimos cinco minutos

É verdade que o Chelsea venceu sem ele. Talvez conseguisse vencer o Hull neste domingo se ele ainda não estivesse disponível, pela razão que fosse. Mesmo assim, é inegável o quanto Diego Costa é importante para o Chelsea. É uma referência como não há no elenco. É forte, faz o pivô, é inteligente, ágil e sabe se posicionar para marcar gols.

Foi aproveitando este bom posicionamento que ele conseguiu colocar nas redes o seu 15º gol nesta Premier League. Aos 51 minutos do primeiro tempo, ele aproveitou uma boa jogada trabalhada pelo Chelsea que começou com Marcos Alonso, chegou em Victor Moses e acabou na finalização do camisa 19 dentro da área. Forte, a ponto do goleiro Eldin Jakupovic até tocar nela, mas não conseguir impedir que entrasse.

O jogo do Chelsea nem foi um primor. O segundo tempo, especialmente, ficou abaixo do que o time pode render. Mesmo assim, chegou ao segundo gol em uma bola parada. Cesc Fàbregas, que entrou no segundo tempo, cobrou falta para a área e Gary Cahill tocou de cabeça para marcar 2 a 0.

Diego Costa foi muito mostrado pela transmissão oficial da Premier League. Com o gol que marcou, chegou a 15, mesmo número de Alexis Sánchez e divide a artilharia da competição. O hispano brasileiro deu um tempero na comemoração do seu gol, fazendo sinal de gente falando, uma espécie de “fala muito” em versão Campeonato Inglês. Ele sabe, a essa altura, o quanto é importante e o quanto é querido pela torcida.

O Chelsea se mantém firme na ponta da tabela com uma boa vantagem. São 55 pontos dos Blues contra 47 do agora segundo colocado Arsenal. Cada vez mais o Chelsea de Antonio Conte e Diego Costa se mostra o grande favorito ao título. os torcedores só esperam que a janela de transferências se feche logo, no dia 31 de janeiro, para ter certeza que o seu artilheiro continuará no clube até o final da temporada.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo