Copa da Inglaterra

Volta de De Bruyne foi a melhor notícia na tranquila vitória do Manchester City na Copa da Inglaterra

Depois de quase cinco meses fora, Kevin De Bruyne voltou a jogar e já deu uma assistência na goleada por 5 a 0 do Manchester City sobre o Huddersfield, pela Copa da Inglaterra

Em uma vitória tranquila e sem sustos sobre o Huddersfield, pela Copa da Inglaterra, a melhor notícia para o Manchester City veio do banco de reservas. A goleada por 5 a 0 pela terceira fase da competição ficou marcado pelo retorno de Kevin De Bruyne aos gramados. Depois de quase cinco meses afastado por lesão, o belga entrou durante a partida e mostrou que está bem fisicamente para reforçar o time durante a segunda metade da temporada.

Com a bola rolando, o Manchester City não tomou conhecimento do Huddersfield. Apesar de ter “demorado” para marcar o primeiro gol, o time de Guardiola deslanchou e goleou. Foden, duas vezes, Julián Álvarez, Doku e Jackson, contra, marcaram os gols dos Citizens neste domingo (7).

Como foi a vitória do City sobre o Huddersfield

Atual campeão da Copa da Inglaterra, o Manchester City entrou em campo com um time um pouco mexido neste domingo. E, mesmo assim, a equipe de Guardiola não teve maiores dificuldades para dominar a partida. Como esperado, com mais posse de bola, os Citizens contralavam o jogo. No entanto, tinham dificuldades para infiltrar na área adversária e apostaram nos cruzamentos e chutes de longe.

Quando conseguiu entrar na área, o Manchester City, enfim, abriu o placar. Aos 31′, em rápida troca de passes pela esquerda, Foden tabelou com Álvarez. O argentinou finalizou pressionado e a bola sobrou para o próprio Foden, que mandou para as redes, sem chances para o goleiro adversário.

Depois de conseguir abrir o placar, o City conseguiu impor ainda mais o seu ritmo e não demorou para ampliar. E, de novo, infiltrando na área do Huddersfield com uma rápida troca de passes. Dessa vez, pela direita. Foden tocou para Matheus Nunes, que foi até a linha de fundo e tocou rasteiro para trás. Lewis tentou finalizar, mas pegou mal na bola, que sobrou para Álvarez desviar para as redes.

De Bruyne voltou a jogar e deu uma assistência na vitória do City pela Copa da Inglaterra (Foto: Icon sport)

Vitória vira goleada com participação de De Bruyne

Com a vantagem no placar e a vitória praticamente encaminhada, o City seguiu dominando a partida. O Huddersfield até tentou sair um pouco para o jogo no começo da etapa final, mas sem sucesso. E, o que era uma simples vitória, virou goleada. E com o celebrado retorno de Kevin De Bruyne.

Aos 11′, Pep Guardiola promoveu a entrada do meia belga no lugar de Grealish. De Bruyne não entrava em campo desde o dia 11 de agosto, quando sofreu uma lesão na coxa no segundo jogo do clube na temporada. E ele já voltou dando sinais de que está perto das plenas condições físicas.

Mas, antes mesmo do belga tocar na bola, o City já conseguiu ampliar. Aos 12′, Matheus Nunes recebeu na entrada da área e tocou para Bobb. Dentro da área, ele cruzou na direção de De Bruyne, mas a bola desviou na zaga adversária e foi parar direto nas redes. O árbitro assinalou o gol contra de Jackson. Aos 19′, Foden voltou a aparecer e marcou um belo gol de fora da área, finalizando cruzando e colocado, no canto direito do goleiro Nicholls, fazendo 4 a 0 para o City.

E, mostrando que está recuperado, De Bruyne procurou participar do jogo. Aos 22′, ele recebeu na entrada da área e finalizou por cima do gol, perto do travessão. Pouco depois, em boa troca de passes, o meia belga recebeu pelo lado direito da área e cruzou na medida para Doku finalizar de primeira e finalizar a goleada em 5 a 0.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor do Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo