Inglaterra

Cantor de boy band vira jogador de time da segundona inglesa

Há algumas momentos na vida que olhamos as notícias do dia e ficamos procurando um sentido por alguns segundos até constatar que, sim, isso mesmo, não tem sentido algum e é isso mesmo que você está lendo. Foi a minha reação quando eu li que um integrante da boy band One Direction foi contratado por um time de futebol da Inglaterra. Demorei alguns segundos para entender que essa notícia era a sério mesmo. Louis Tomlinson assinou contrato de um ano com o Doncaster Rovers, clube da segunda divisão inglesa (conhecida por lá como Championship).

E aí você pensa: mas que diabos esse cantor tem para ser contratado por um clube de futebol? Tomlinson foi jogador de futebol nas categorias de base e chegou a jogar em nível menor, a Sunday League – uma espécie de torneio de várzea organizado e que dá acesso a divisões de cima. A contratação veio depois de uma boa atuação do astro da música, de 21 anos, em um amistoso beneficente (aqueles famosos amigos de fulano contra amigos do ciclano, sabe como é?).

Tomlinson assinou um contrato por uma temporada, mas não será exatamente jogador do time principal. Ele terá um número de camisa, 28, e deve jogar em partidas do time reserva (na Inglaterra, os reservas são uma espécie de time B) em algum momento da temporada. Se especula até que ele pode jogar partidas do time principal, mas seria um pouco demais. É um improvável.

Ah sim, sei que você está preocupado, então já garanto que ele não irá deixar a banda para participar dessa aventura – que tá mais paras golpe publicitário do time inglês.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo