Inglaterra

Bradford City mira exemplo do Swansea para ressurgir

Na véspera da decisão da Copa da Liga inglesa, a equipe do Bradford City demonstra que está pronta para o duelo contra o Swansea, em Wembley. Na quarta divisão do futebol inglês, os Bantams já traçam os planos para tentar sair dos 90 minutos com uma conquista inédita. É o que declara Phil Parkinson, treinador da equipe.

“Temos alguns atletas de calibre da Premier League, que estão confortáveis jogando contra estes times da elite. A razão para termos ido bem até aqui, é porque temos um bom equilíbrio. Nossos jogadores podem encarar esse desafio com talento e presença física. Iremos bem nas bolas paradas”, revela Parkinson.

A situação atual do Bradford, na quarta divisão, é motivo de reflexão para os diretores e a torcida. O técnico também comenta sobre a ressurreição do clube, há 12 anos fora da Premier League: “Em dez anos queremos estar na posição que o Swansea ocupa hoje. Estamos mirando o exemplo deles, o que fizeram e conquistaram na última década. Não se trata de um clube tão maior que o Bradford, mas o que conseguiram veio através de uma boa estrutura, muita organização”, comenta Parkinson.

“Depois de domingo, teremos mais 15 jogos do campeonato pela frente. Tentaremos vencer cada um deles, mas eu não trocaria estar nessa decisão em Wembley por nada. Para um treinador inglês como eu, vencer um troféu desses seria demais. Tanto para mim quanto para toda a comissão, certamente”, finaliza.

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é zagueiro ocasional, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo