InglaterraPremier League

Bournemouth ajudará mulheres com câncer de mama a partir das vendas de sua nova camisa

O Bournemouth mal chegou à Premier League, mas já deu um grande passo para ser visto como um dos clubes mais simpáticos do campeonato. Além da empatia natural que sentimos pelo azarão, a equipe, que garantiu o acesso à elite com o título da última Championship, anunciou que destinará 5% da renda com a venda de sua camisa alternativa para a instituição Breast Cancer Care, que presta assistência a pessoas com câncer de mama.

VEJA TAMBÉM: Adidas relançou a clássica camisa usada pela Colômbia na Copa de 1990

Em seu site oficial, o Bournemouth revelou a nova camisa, comemorando que a exposição que o time terá por estar na Premier League colocará ainda mais holofotes sobre a causa. “O clube agora está diante de um público global, e é uma oportunidade fantástica para nós e nossos torcedores demonstrarmos apoio para uma causa tão valiosa. Esperamos que os torcedores amem a camisa e ajudem a levantar dinheiro para uma boa causa durante o processo”, afirmou o diretor executivo da equipe, Neill Blake.

A ajuda provida pelo clube acontecerá através da destinação de 5% da renda com as vendas da terceira camisa para a Breast Cancer Care, que, entre seus serviços, oferece uma linha telefônica de assistência, informações pontuais sobre hospitais e, claro, atendimento pessoal para pessoas com câncer de mama. Chefe de arrecadação da Breast Cancer Care, Care Alec Raven exaltou a atitude do clube.

“A cada ano, no Reino Unido, 55 mil pessoas são diagnosticadas com câncer de mama. Queremos estar lá para cada uma delas. E é por isso que somos tão gratos ao Bournemouth por generosamente escolher apoiar a Breast Cancer Care. Os fundos arrecadados nos ajudarão a fazer uma diferença enorme nas vidas de milhares de mulheres que acordam todos os dias diante de uma realidade dura”, agradeceu.

Esta será a primeira temporada do Bournemouth na primeira divisão inglesa, e a expectativa pelo que seriam capazes de fazer no primeiro escalão já era grande pelo desempenho impressionante na segunda divisão na campanha passada. Com essa faceta fora dos gramados, a simpatia pelo novato não poderia ser maior.

bourne

Mostrar mais

Leo Escudeiro

Apaixonado pela estética em torno do futebol tanto quanto pelo esporte em si. Formado em jornalismo pela Cásper Líbero, com pós-graduação em futebol pela Universidade Trivela (alerta de piada, não temos curso). Respeita o passado do esporte, mas quer é saber do futuro (“interesse eterno pelo futebol moderno!”).

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo