Inglaterra

Atitude infantil de Garnacho com Ten Hag quase implode de vez vestiário do United

Garnacho curte publicação que critica Ten Hag nas redes sociais e gera desconforto interno no Manchester United

Como se não bastasse o desempenho irregular dentro de campo, a temporada do Manchester United tem sido marcada também por polêmicas internas de bastidores. E a última delas ocorreu justamente nesta semana. Alejandro Garnacho não ficou nada satisfeito após ter sido substituído por Erik Ten Hag durante o empate dos Red Devils contra o Bournemouth (2 a 2), no último sábado (13), e deu um jeito de protestar contra o técnico holandês.

O que Garnacho fez?

Descontente com Ten Hag, Garnacho curtiu publicações que criticavam o técnico no “X” (antigo Twitter). O jogador argentino, substituído no intervalo da partida de sábado (13), deu “like” em duas postagens do torcedor do Manchester United e youtuber Mark Goldbridge. Os posts diziam:

— Ten Hag sutilmente culpando Garnacho na coletiva pós-jogo… Não pega bem jogar debaixo do ônibus um jovem de 19 anos que entregou tudo a você na temporada. Mas de novo ele está claramente com medo de irritar grandes sócios — escreveu antes de completar:

— Garnacho tem sido um dos melhores jogadores da temporada. Primeiro tempo pobre, mas tirá-lo no intervalo e apontá-lo como problema é piada. Muitos fizeram pior semana sim, semana não, e ainda estão aí.

Como a polêmica foi resolvida?

Após notar que sua atitude causou burburinho entre torcedores do United e pesou o clima com Ten Hag, Garnacho voltou atrás, removeu as curtidas das postagens e evitou uma possível crise interna no clube inglês. Segundo a imprensa inglesa, tal ação do atacante argentino, em se arrepender e corrigir o erro, foi bem vista pela diretoria. O treinador, por sua vez, também gostou da mudança de conduta do jovem atacante e o chamou para uma conversa. A princípio, as arestas foram aparadas.

Qual foi a justificativa de Ten Hag na coletiva?

Como citado, Garnacho foi substituído no intervalo contra o Bournemouth. O camisa 17 perdeu a bola que gerou o primeiro gol do time mandante, marcado por Dominic Solanke. O segundo tento dos Cherries, anotado por Justin Kluivert, também teve origem no lado direito, onde o argentino atuava. As duas jogadas irritaram Ten Hag, que não exitou em tirar o argentino de campo.

Após a partida no Vitality Stadium, Ten Hag foi questionado em entrevista sobre o motivo de substituir Garnacho. Em sua justificativa, o técnico holandês revelou que precisava ajustar o lado direito da equipe que, segundo ele, estava defasado defensivamente.

— Acho que tivemos que reparar o lado direito. Não jogamos bem, tinham muitos espaços, tivemos que trazer um substituto para lá — disse Ten Hag, antes de citar Garnacho:

— O Garnacho não treinou durante a semana, só na sexta. Pensamos em trazer um pouco de energia, trazer um pouco mais de qualidade, qualidade no sentido de cooperação, união desse lado direito.

Com o empate, o Manchester United foi a 50 pontos e se manteve na sétima colocação da Premier League. Primeiro time na zona da classificação para Champions League, o Aston Villa tem 63.

Desentendimento com jogador não é novidade para Ten Hag

Vale destacar que esta não é a primeira vez que Erik Ten Hag entra em rota de colisão com algum jogador do Manchester United. Anteriormente, o técnico holandês se envolveu em polêmicas com Marcus Rashford e Jadon Sancho.

Rashford foi punido em janeiro deste ano por faltar ao treino do United após ser flagrado em uma boate em Belfast, capital da Irlanda do Norte. Já Sancho, retornou ao Borussia Dortmund por empréstimo na última janela de transferências, após acusar Ten Hag de mentir sobre os motivos de sua ausência na lista de relacionados para um jogo contra o Arsenal, em setembro.

Próximos jogos do Manchester United

  • Coventry City x Manchester United – Copa da Inglaterra – 21/04
  • Manchester United x Sheffield United – Premier League – 24/04
  • Manchester United x Burnley – Premier League – 27/04
Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo