Inglaterra

Titular contestado do Arsenal é comprado em definitivo e jogador da seleção inglesa deve sair

Com permanência de David Raya confirmada por 27 milhões de euros, Ramsdale pode sair dos Gunners

Com a abertura oficial da janela de transferências, a partir de 1º de julho, os clubes europeus começam a se movimentar para próxima temporada. O Arsenal, querendo mais do que ser vice-campeão inglês, já fez a primeira contratação.

Mas, apesar do clamor para que chegue um centroavante, posição hoje ocupada por Kai Havertz e às vezes Gabriel Jesus, o reforço é de alguém que já fazia parte do elenco dos Gunners.

Antes por empréstimo vindo do Brentford desde 2023, agora o goleiro espanhol David Raya foi adquirido em definitivo pela equipe londrina por 27 milhões de libras (cerca de R$ 189 milhões).

– Depois de um ano emprestado como um Gunner, finalmente posso dizer que sou um jogador do Arsenal pelos próximos anos. Estou animado para ver o que o futuro reserva, mas sempre vivendo e aproveitando o presente. É um sonho se tornando realidade estar aqui e quero agradecer a vocês por todo o apoio que já me deram ao longo do último ano. – celebrou o arqueiro de 28 anos.

O diretor esportivo do clube, Edu Gaspar, exaltou o goleiro, relembrando do feito de ter conquistado a Luva de Ouro da Premier League, dada ao arqueiro com mais clean sheets (Raya não sofreu gols em 16 partidas).

– Ele teve uma primeira temporada linda conosco, ganhando a Luva de Ouro da Premier League. David é um jogador talentoso, um grande profissional e uma figura popular no clube. […] A contratação de David é outro forte exemplo da nossa estratégia de recrutamento em ação, enquanto continuamos a construir uma equipe que desafiará os principais troféus. – elogiou o executivo brasileiro.

O goleiro David Raya, do Arsenal, comemora vitória no Emirates Stadium
O goleiro David Raya, do Arsenal, comemora vitória no Emirates Stadium (Foto: Icon Sport)

Se Raya está confirmado para próxima temporada, não podemos dizer o mesmo de Aaron Ramsdale, goleiro da seleção inglesa, que perdeu a titularidade justamente com a chegada do espanhol.

Ele atuou apenas 11 vezes em 2023/24 e seu futuro pode ser no Chelsea ou Newcastle, clubes que se interessaram nele.

Do inferno ao céu: Raya, bancado por Arteta, recuperou-se no Arsenal

A consolidação de Raya no gol do Arsenal foi árdua e nada simples. Ramsdale vinha de boas temporadas, se mostrando um goleiro de alto nível.

Mas Mikel Arteta queria melhorar principalmente sua saída de bola e viu em Raya o atleta ideal para isso. Esse encaixe foi complexo e durou alguns meses até a adaptação definitiva.

O arqueiro espanhol não passava confiança embaixo das traves, como nas duas falhas na vitória por 4 a 3 sobre o Luton Town, e algumas vezes errou até na sua principal característica, o passe.

Na crescente dos Gunners a partir da virada do ano, David veio junto e se tornou um pilar. Ótimo na saída de bola, seguro no gol, sempre atento para se antecipar aos cruzamentos e pronto para repor a bola rapidamente.

– O que eu gosto em David são as coisas que ele faz no gol e as coisas que ele previne que às vezes você nem vê porque elas não acontecem — porque ele as antecipou. Ele teve um ambiente muito desafiador, mas eu amo jogadores com coragem, caráter e personalidade que, mesmo quando é assim, eles querem ser eles mesmos e se esforçam para fazer isso. Ele ganhou o direito de ser muito respeitado e estou muito feliz que ele esteja fazendo isso. – elogiou Arteta, em maio.

O auge veio nas oitavas de final da Champions League contra o Porto, quando defendeu dois pênaltis na disputa e garantiu a classificação.

– David nos mostrou na temporada passada o quão importante ele é para nós, então estamos felizes que ele agora seja oficialmente nosso jogador. Ele é uma grande presença em nosso vestiário e estamos realmente satisfeitos em continuar trabalhando com ele. Sabemos que ele pegará as bases fortes que colocou em prática na temporada passada e as construirá nos próximos anos, e que ele desfrutará de mais sucesso conosco. – exaltou o treinador, nesta quinta-feira (4).

Com Raya como o titular absoluto do gol do Arsenal, Arteta e seus comandados tentarão desbancar o tetracampeão inglês Manchester City na próxima temporada, além de disputar a Champions e as copas locais.

Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Nascido e criado em São Paulo, é jornalista pela Universidade Paulista (UNIP). Já passou por Yahoo!, Premier League Brasil e The Clutch, além de assessorias de imprensa. Escreve sobre futebol nacional e internacional na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo