Holanda

PSV vence o Ajax de virada e conquista a Copa da Holanda depois de 10 anos

Em um jogo de muitos gols anulados, o PSV consegue um título que não conquistava há 10 anos e ganha motivação na disputa pelo título holandês

O PSV entrou em campo precisando deixar para trás uma eliminação dolorosa no meio da semana pela Conference League. O time perdeu em casa de virada para o Leicester, algo que deixou marcas. Neste domingo, porém, o time começou a curar as feridas do melhor jeito possível: venceu um clássico de virada contra o Ajax por 2 a 1 e conquistou o título da Copa da Holanda pela 10ª vez na sua história.

Assim como em outras finais de Copa pela Europa, a decisão é em jogo único. A partida foi disputada no estádio De Kuip, em Roterdã. O técnico Roger Schmidt resolveu entrar em campo com os mesmos 11 titulares que foram derrotados pelo Leicester, um sinal de confiança na equipe.

Logo a 10 minutos, o time comemorou um gol: Mario Götze recebeu com liberdade e fez o passe para Eran Zahavi, que, livre, tocou na saída do goleiro Maarten Stekelenburg. Ele ainda tocou na bola, mas ela entrou. O gol, porém, foi anulado por impedimento.

O primeiro gol saiu aos 22 minutos. Ryan Gravenberch recebeu na intermediária ofensiva, fintou dois jogadores, tocou para Davy Klaassen, que devolveu para o camisa 8 chutar de fora da área, no canto, e marcar um belo gol: 1 a 0 para o Ajax.

Aos 26 minutos, o Ajax perdeu uma grande chance de ampliar. Cruzamento de Daley Blind pela esquerda, desviada de leve por Klaassen, mas o atacante Brian Brobbey não conseguiu colocar na rede. A bola veio alta e ele estendeu o pé para tocar e não conseguiu.

O Ajax ainda balançaria a rede outra vez antes do fim do primeiro tempo em um chute de fora da área de Noussair Mazraoui. O gol, porém, seria anulado porque na construção da jogada, Dusan Tadic recbeu a bola em impedimento. Assim, o placar no intervalo foi mesmo de 1 a 0 para o Ajax.

Logo no começo do segundo tempo, o PSV conseguiu o empate. Götze sofreu falta. Cody Gakpo levantou na área, Ibrahim Sangaré desviou e Érick Gutiérrez chegou com tudo na segunda trave para tocar de cabeça e marcar 1 a 1 no placar.

Aproveitando o embalo, o PSV virou o jogo. O Ajax saiu jogando errado, Cody Gakpo recuperou a bola no campo de ataque, puxou para o meio, fez duas fintas e finalizou com força no canto, de fora da área. Um golaço que colocou 2 a 1 no placar, virada para o time de Eindhoven.

Aos 10 minutos, o Ajax parecia que empataria o jogo. Brian Brobbey recebeu na área, fez o pivô para Klaassen, dentro da área, finalizar e mandar para as redes. Mais uma vez, a torcida do Ajax ganharia um banho de água fria. O lance foi revisado e foi constatado impedimento de Brobbey, por muito pouco.

O Ajax pressionava e, aos 13, Tadic recebe do lado esquerod e finalizou com força. A bola explodiu na trave. O PSV também tinha suas chances. Aos 38 minutos, Bruma, que entrou no segundo tempo, recebeu dentro da área e girou para bater com força, mas por cima do gol. Ainda assim, foi um lance de perigo.

Depois, já aos 42, Yorbe Vertessen, em uma jogada de insistência, conseguiu chutar forte e a bola também tocou na trave. Era o PSV quem criava as melhores chances. No final, porém, o placar ficou mesmo em 2 a 1.

O PSV volta a conquistar o título da Copa da Holanda depois de 10 anos. A última taça tinha sido na temporada 2011/12. Ainda dá um impulso para o PSV disputar o título com o Ajax na Eredivise, onde o time de Amsterdã lidera com quatro pontos de vantagem em relação ao PSV, segundo colocado, com cinco jogos ainda restantes.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo