Games

SEMANA ULTIMATE: Novo evento Numbers Up coloca jogadores da Adidas em evidência no FUT

Evento patrocinado pela marca promete melhorar atributos até alcançar nível 99

O Semana Ultimate desta sexta-feira marca o primeiro conteúdo da Temporada 2. Nomeado como Numbers Up, o evento é uma ação da Adidas em parceria com a EA Sports e traz jogadores patrocinados pela fornecedora de artigos esportivos. Divulgando as características das suas chuteiras, as cartas dinâmicas receberão três upgrades de acordo com o perfil de cada jogador. Dentre os jogadores do evento, destacam-se João Félix, Éder Militão e Diogo Jota.

Premissa do evento

Sendo um evento da marca alemã, apenas os jogadores patrocinados pela Adidas receberão cartas especiais durante este evento. Com a premissa de “não parar até atingir 99”, a ideia do Numbers Up é que, de acordo com o desempenho em campo, a carta dinâmica receba upgrades até atingir a classificação máxima em um atributo. As evoluções acontecerão em 3 etapas:

  • No lançamento do evento, todos os jogadores recebem um upgrade de 5 pontos em uma qualidade;
  • Na segunda fase, em dezembro, mais um upgrade de 5 pontos na qualidade Numbers Up e mais um ponto em outro atributo;
  • Na terceira e última etapa, em abril de 2022, mais um upgrade simples no atributo secundário e a qualidade Numbers Up atinge 99.

As melhorias serão escolhidas de acordo com a chuteira que o atleta utiliza em campo. Os jogadores Predator terão up na condução; os que usam chuteira X SpeedFlow vão melhorar o ritmo; e os Copa vão aumentar o passe. Em especial com o fator atributo 99, é possível que alguns jogadores end game surjam – cartas meta que podem ser utilizadas até o final da temporada do FUT.

O time

Dentre as 11 cartas especiais lançadas no time Numbers Up, João Félix é de longe a melhor carta. Como utiliza a chuteira X SpeedFlow, o português recebeu melhorias no ritmo e tornou-se um atacante muito completo. Muito leve e driblador, Félix é uma carta meta e o sonho da escolha de jogador na Weekend League. No momento, a versão especial custa 1 milhão de coins.

Completando o pódio do evento, Éder Militão e Diogo Jota são as outras cartas mais valorizadas. O zagueiro brasileiro é um dos mais bugados do jogo e chega no Ultimate custando em torno de 600 mil moedas. Como utiliza a Predator, recebeu upgrade na condução. Já o atacante do Liverpool, tal como seu compatriota, recebeu mais ritmo em sua versão especial de classificação 86. Custando quase 600 mil coins, Diogo Jota torna-se uma carta meta com 4 de drible e 5 de perna ruim.

Jogador por Objetivo: Steven Bergwijn

Chegando por objetivo, Steven Bergwijn saltou de uma carta ouro comum 80 para sua primeira versão especial com overall 84. Com um upgrade de ritmo, ele é um jogador que pode ajudar vários times sendo substituto e chegando sem custo ao elenco. Apesar de ter bons números, o defeito da carta é ter apenas 2 de perna ruim. Ainda assim, vale a pena fazer para testar ou – se não curtir – enviar posteriormente em Desafio de Montagem de Elenco. Caso faça, o melhor entrosamento é o Finalizador.

Jogador por DME: Marco Asensio

Disponível por Desafio de Montagem de Elenco, Marco Asensio recebe uma ótima versão 85. Se já era um jogador leve e driblador, com o upgrade alcançou 91 no quesito e tende a ser um ótimo armador ou um ponta insinuante. Para adquirir o jogador do Real Madrid, basta dispensar dois elencos – classificação 82 e 84, custando em média 45 mil moedas. Com Ousmane Dembele custando tão pouco e sendo um jogador similar, Asensio não deve fazer tanto sucesso. Caso opte por fazer o DME, o melhor entrosamento é o Caçador.

Mostrar mais

João Belline

Jornalista de formação, louco dos esportes por opção. Depois de muito escalar Cartola, jogar Winning Eleven, escrever escalação dos sonhos no caderno e topar o dedão na rua, falar sobre futebol virou uma necessidade. É mais um leitor que buscou espaço no time da Trivela e entende que futebol está acima do clube.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo