Ligue 1

Marseille e Bordeaux empatam em noite marcada por preocupação com Samuel Kalu

Atacante do Bordeaux desmaiou na primeira etapa e trouxe preocupação ao público no Vèlodrome

Era para ser mais um grande jogo com bastante expectativa entre Olympique de Marseille e Bordeaux, no Vèlodrome. O duelo entre Jorge Sampaoli e Vladimir Petkovic prometia bastante em termos de emoção, mas um mal súbito transformou a atmosfera no estádio em pura tensão.

Com menos de 5 minutos, antes de uma cobrança de falta de Dmitri Payet, o atacante nigeriano do Bordeaux, Samuel Kalu, desabou repentinamente. Ele estava na barreira, aguardando o chute, e simplesmente foi ao chão, inconsciente. A preocupação foi imediata e o temor era evidente no rosto dos atletas. Afinal, não faz tanto tempo assim que o mundo parou para acompanhar o drama de Christian Eriksen, em Dinamarca x Finlândia, durante a Eurocopa. 

LEIA MAIS: Estes são os uniformes das equipes que disputarão a Ligue 1 em 2021-22

Felizmente, nos dois casos, o final foi feliz: Kalu se recuperou em pouco tempo, levantou sozinho e chegou a retornar ao jogo, mas não estava em condições de fazer muito mais. Saiu para dar lugar a Remi Oudin. Não há informações oficiais sobre a causa do mal súbito, até o momento. O que se sabe é que o quadro não é preocupante.

Houve jogo, e dos bons

Passado o grande susto, os dois times entregaram um confronto bastante franco e voltado ao ataque. O primeiro gol da noite foi do Marseille, com Cengiz Under, mostrando oportunismo para completar um belo passe de Gérson, que se desdobrou na linha de fundo para evitar a saída e acionar o turco. Payet, na marca dos 41, ampliou em jogada individual, passando pela marcação e batendo no canto de Benoît Costil.

Payet, aliás, experimentou um penteado que provavelmente homenageou o ex-lateral nigeriano Taribo West. A maneira como ele amarrou os poucos cabelos foi bastante curiosa. Quer dizer, não ficou bonito o visual, mas pelo menos chamou a atenção, se era o que o baixinho tinha em mente. Ah, se a moda pega…

Petkovic: ele tem um plano

Poderia até estar pintando uma goleada dos marselhenses, que foram para o intervalo com boa vantagem. Mas Vladimir Petkovic tinha um plano para os girondinos. Logo ele, a grande esperança de que a equipe viva dias melhores. O resultado foi construído a partir de dois atletas que vieram do banco, mostrando a boa interpretação que o treinador bósnio fez do jogo.

Pouco após o início da segunda etapa, o zagueiro Timothée Pembelé, que entrou na vaga de Edson Mexer, fez o primeiro dos visitantes. Ele veio arrancando da defesa, se aproximou da área e bateu. Graças a um desvio da zaga, a bola mudou de trajetória e venceu o goleirão Steve Mandanda para diminuir a vantagem do time da casa. 

Oudin, que veio ao jogo para substituir Kalu, também deixou o dele. Em cobrança de escanteio, desmarcado, o atacante só teve o trabalho de pegar de primeira para finalizar. E foi só: o Marseille dominou até o fim, Sampaoli se agitou nas laterais, mas o terceiro gol, o da vitória, não veio. O atacante Nemanja Radonjic, que entrou na segunda etapa, quase embalou a festa da galera local, mas o bandeira apontou impedimento no lance e frustrou o já temperamental Sampaoli.

O que o futuro reserva para os dois times

Depois de uma estreia turbulenta em virada contra o Montpellier, o Marseille deixou escapar dois pontos importantes na briga pela ponta da tabela. Depois do PSG, provavelmente, a equipe de Sampaoli será a mais visada pelos adversários, por conta do elenco que tem. 

O que certamente não será o caso do Bordeaux, que embora não seja mais um clube à beira da falência, ainda precisará remar muito para fazer uma boa campanha. A ameaça de rebaixamento por questões administrativas não é mais um problema. Entretanto, Petkovic e seus comandados terão de remar bastante para fazer um papel elogiável dentro da Ligue 1. O começo não foi bom, mas a atuação deste domingo foi bastante animadora para os girondinos.

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é editor-chefe da Revista Relvado, zagueiro ocasional, ex-jornalista, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo