MLS

Bernardeschi comemora estreia com gol e assistência na goleada do Toronto: “Foi especial para mim”

Além de Bernardeschi, Insigne e Cristito também estrearam nos 4 a 0 sobre o Charlotte, na MLS

A estreia dos italianos Lorenzo Insigne e Federico Bernardeschi no Toronto foi muito positiva. Os dois entraram em campo no sábado na vitória sobre o Charlotte, que terminou em um 4 a 0 conquistado ainda no primeiro tempo. Além dos estreantes, que fizeram ótimo jogo, Michael Bradley foi destaque com dois gols. O público de 29.067 mil pessoas no BMO Field viu uma partida frenética no primeiro tempo.

Os três italianos contratados nesta janela entraram em campo como titulares: Domenico Criscito na lateral esquerda, que já tinha estreado, Lorenzo Insigne na ponta esquerda, Federico Bernardeschi na ponta direita. Os três acabaram substituídos no segundo tempo, porque ainda estão melhorando sua condição física para o resto da temporada, que vai até outubro, pouco antes da Copa do Mundo, que começa em novembro.

Bernardeschi estreou com o pé esquerdo. Sim, porque o pé esquerdo dele é o melhor: fez uma assistência e um gol com a perna esquerda na sua estreia, parte da demolição que o time canadense proporcionou antes mesmo do intervalo.

“Foi especial para mim”, afirmou Bernardeschi. “É especial porque é o primeiro, não? Hoje, para mim, é importante porque o time venceu. Para os torcedores, para a confiança no futuro. Para mim, hoje começa uma nova temporada para o Toronto e foi bem feito”, disse o italiano, de 28 anos.

“O primeiro tempo foi ótimo, jogamos uma grande partida. E ainda há um longo caminho pela frente. Gosto de como jogamos, mesmo que eu não tenha feito nenhum gol. Mas estou aqui para o time, para fazer mais assistências como a que fiz e estou realmente feliz com o resultado”, disse Insigne.

“Esse é o começo do futebol real, onde você pode fazer isso cada vez mais”, disse o treinador e diretor esportivo Bob Bradley. “Então, espero que possamos continuar construindo isso”.

Veja os lances da partida:

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo