Espanha

O pesadelo de Courtois parece sem fim, e o goleiro terá de lidar com nova lesão

Courtois deixa treinamento do Real Madrid aos prantos, e clube confirma ruptura de menisco interno do joelho direito

Melhor goleiro do mundo em 2022/23, Thibaut Courtois vive um verdadeiro pesadelo na atual temporada. Após sete meses parado por conta de uma grave lesão no ligamento cruzado do joelho esquerdo, o arqueiro belga, que estava em processo final de recuperação, se contundiu novamente. O camisa 1 rompeu o menisco interno do joelho direito durante o treino desta terça-feira (18) e deixou as atividades chorando muito.

“Após os exames realizados hoje ao nosso jogador, Thibaut Courtois, foi-lhe diagnosticada uma ruptura do menisco interno do joelho direito. A lesão ocorreu durante o treino de hoje. Evolução pendente”, diz o comunicado do Real Madrid.

Courtois sequer disputou um jogo pelo Real Madrid em 2023/24. Antes mesmo da estreia do clube na temporada, o goleiro de 31 anos, como citado, rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e precisou passar por cirurgia. Afastado dos gramados desde 10 de agosto do ano passado, o goleiro só voltou a treinar com o grupo há pouco mais de uma semana, junto do brasileiro Éder Militão, que teve a mesma lesão.

Segundo o “The Athletic”, a lesão atual de Courtois não é tão grave quanto a sofrida em 2023. Enquanto se aguarda mais exames, seu retorno nesta temporada está em risco. Existe a possibilidade da realização de uma nova cirurgia, e o prazo de retorno aos gramados é de seis a sete semanas.

Notícia frustrante para Ancelotti, que planejava utilizar Courtois no mata-mata contra o Manchester City

O principal objetivo do Real Madrid na temporada não poderia ser outro. Maior campeão europeu com folga, o clube merengue quer conquistar novamente o continente e levantar o troféu da Champions League. Após uma fase de grupos perfeita, os comandados de Carlo Ancelotti passaram sufoco nas oitavas, mas conseguiram eliminar o RB Leipzig. Nas quartas de final, o adversário é um velho conhecido: o poderoso Manchester City de Pep Guardiola. Para este confronto, o técnico italiano trabalhava com a possibilidade de ter Courtois e Militão de volta e chegou a externar isso durante coletiva de imprensa.

— Esta semana eles começaram a trabalhar normalmente e vamos aproveitar a Data Fifa para fazer dois amistosos com as categorias de base. Acho que eles podem chegar lá… mas sem arriscar nada —, afirmou Ancelotti na última sexta-feira (15).

O desejo de Ancelotti não será atendido. Afinal, Courtois não retornará a tempo do embate contra os ingleses. A partida de ida, no Santiago Bernabéu, está marcada para o dia 9 de abril, enquanto a volta, no Etihad Stadium, dia 17 do mesmo mês.

Sem Courtois, Lunin será mantido no gol merengue

A lesão de Courtois em agosto de 2023 fez o Real Madrid recorrer ao mercado de transferências. O contestado Kepa Arrizabalaga, do Chelsea, foi o escolhido da diretoria merengue. Emprestado até o final da temporada 2023/24, o goleiro espanhol de 29 anos teve um bom começo, mas não demorou muito a perder espaço.

Em novembro, Kepa lesionou o músculo adutor da perna direita e desfalcou o Real Madrid por algumas semanas. Mal sabia ele que estava prestes a perder a posição para Andriy Lunin. O arqueiro ucraniano agarrou a chance e, desde então, não saiu mais do gol merengue. Com atuações seguras e defesas importantes, o jovem de 25 anos caiu nas graças de Ancelotti e da torcida madridista. Nas oitavas de final da Champions, inclusive, foi o grande nome da classificação diante do RB Leipzig.

Próximos jogos do Real Madrid

  • Real Madrid x Athletic Bilbao – La Liga – 31/03
  • Real Madrid x Manchester City – Champions League – 09/04
  • Mallorca x Real Madrid – La Liga – 13/04
  • Manchester City x Real Madrid – Champions League – 17/04
Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo