Espanha

Pedri se machuca de novo e quantidade de lesões dele preocupa (com razão) o Barcelona

Pedri sofre pancada no treino, tem nova lesão muscular e desfalca o Barcelona -- não sabemos por quanto tempo mais

Quando um problema com lesão acontece uma vez, até pode ser ignorado. Quando se torna rotina, no entanto, passa a ser uma preocupação para toda a comissão técnica, torcedores e jogadores. Parece, infelizmente, ser o caso de Pedri, do Barcelona, que se machucou de novo, a segunda lesão mais séria apenas nesta temporada, e vai desfalcar os culés na reta final de 2023 — e, quem sabe, até mesmo no começo de 2024.

A lesão desta vez não parece ser tão séria quanto a primeira na temporada, mas já garante que ele não estará em campo nesta quarta-feira (20) diante do Almería, por La Liga, e não viajará com o Barcelona para a América do Norte, onde o time fará um inesperado amistoso de intertemporada contra o América, do México, em Dallas, nos Estados Unidos — nada como a necessidade de ganhar dinheiro em meio à crise financeira.

— No treinamento realizado pelo Barcelona na manhã desta terça-feira (19) Pedri recebeu uma entrada que provocou uma pequena lesão muscular. O jogador se torna uma baixa e sua evolução no dia-a-dia vai mexer em sua disponibilidade — afirmou o comunicado do Barcelona, que apesar de falar em ‘pequena lesão’ não dá uma estimativa de retorno para o meio-campista.

Pedri tem sido alvo de lesões e não jogou boa parte da atual temporada

Mesmo sem a confirmação oficial do clube, a mídia da Espanha dá como certa não apenas a já confirmada ausência no jogo diante do Almería, por La Liga, como também crava que o meio-campista estará fora do amistoso nos Estados Unidos. Como a partida contra o América do México não vale nada além de dinheiro e marketing, a comissão técnica liderado pelo treinador Xavi Hernández não quer arriscar a saúde de um atleta que já sofreu com muitas ausências em 2023.

Por conta de uma lesão no reto feoral da coxa direita, Pedri perdeu nada menos do que 12 jogos nesta temporada e não conseguiu ainda manter uma sequência saudável. A situação tem complicado o Barcelona, que assim como rival Real Madrid, se vê perseguido por uma série de lesões que não deixam Xavi quase nunca usar o que de melhor tem à disposição, seja em La Liga ou na Champions League.

Além de Pedri, o Barcelona enfrentará o Almería sem diversos outros jogadores que estão lesionados. São eles o também meio-campista Gavi, o goleiro Marc-Andre ter Stegen e os defensores Iñigo Martínez e Marcos Alonso. Além deles, o Barça também não poderá contar com outro meio-campo, o holandês Frankie de Jong, que recentemente também voltou de lesão, mas cumprirá suspensão no jogo desta quarta-feira.

Barcelona terá sequência pesada no começo de 2024

Logo após o jogo diante do Almería e o amistoso contra o América do México, o Barcelona voltará a campo por La Liga já no dia 4 de janeiro, fora de casa, contra o Las Palmas. O jogo é o primeiro de uma série que o time culé fará logo nos primeiros dias de 2024: pega o Unión Deportiva Barbastro no dia 7 de janeiro pela Copa do Rei, depois viaja para a Arábia Saudita onde no dia 11 de janeiro enfrenta o Osasuna pela Supercopa da Espanha.

Se passar pelo rival, deverá ter mais um jogo pela competição na mesma semana para então em 21 de janeiro já estar de volta à Espanha, onde enfrenta, também longe de Barcelona, o Betis, pelo Campeonato Espanhol.

Atualmente o Barcelona vê a necessidade de vencer todos os jogos possível em La Liga, já que o vice-líder Real Madrid está sete pontos a frente e o líder, Girona, abriu uma distância de nada menos do que nove pontos. Otimista, Xavi ainda acredita no título.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Lucas de Souza é jornalista formado pela Universidade São Judas em São Paulo. Possui especialização em Marketing Digital pela Digital House, e passagens pelos sites Futebol na Veia e Futebol Interior.
Botão Voltar ao topo