La Liga

Numa atuação de gala no Bernabéu, em especial de Asensio, o Real Madrid faz 6×1 no Mallorca e retoma a liderança

Asensio marcou três gols, em noite que também contou com excelentes participações de quase todos os companheiros

O Real Madrid inicia sua campanha em La Liga com um ótimo aproveitamento. Algumas vitórias foram suadas e o time tropeçou contra o Levante, mas ganha fôlego para sustentar a primeira colocação neste começo de campeonato. E a atuação mais contundente dos merengues aconteceu nesta quarta-feira, para deleite dos torcedores presentes no Estádio Santiago Bernabéu. O time de Carlo Ancelotti botou o Mallorca na roda e goleou por 6 a 1, com chances para fazer até mais. Rodrygo, Éder Militão e Vinícius Júnior tiveram boas participações como titulares. Benzema outra vez decidiu, mas o nome do jogo foi Marco Asensio. O espanhol chegou a manifestar o desejo de ganhar mais minutos em campo e aproveitou muito bem a chance como titular: anotou três gols, sem comemorar contra o clube no qual iniciou sua carreira.

O Real Madrid exerceu uma pressão sem a bola desde os primeiros minutos, que influenciou diretamente no gol anotado aos quatro. Karim Benzema aproveitou um escorregão nas imediações da área para fazer o desarme e partiu livre até fuzilar. Logo depois, seria a vez de Asensio mostrar seu cartão de visitas, ao quase marcar um gol olímpico, que o goleiro Manolo Reina evitou em cima da linha. O domínio dos merengues era total e, quando o Mallorca dava sinais de vida, o segundo gol surgiu aos 24. Depois do passe de Rodrygo, Manolo Reina rebateu e Asensio foi oportunista para conferir o rebote. Ao menos os bermellones voltaram para o jogo no minuto seguinte, conseguindo descontar. Lee Kang-in fez fila na marcação e bateu de chapa no cantinho, para um bonito gol.

O problema do Mallorca era mesmo segurar Asensio. O espanhol retomou a diferença no placar logo aos 29, com o terceiro gol. Militão deu um passe entre as linhas para Benzema, que fez a parede e ajeitou para Asensio, passando em velocidade. O meia invadiu a área e tirou do alcance de Manolo Reina. Dava até para fazer mais antes do intervalo. Asensio seria travado na pequena área, após jogada de Benzema, antes de Reina parar Vinícius Júnior. As jogadas merengues tinham enorme fluidez, em especial pela movimentação de Benzema. Rodrygo fazia ótimo papel na ponta, enquanto Eduardo Camavinga mandava no meio-campo.

O Real Madrid manteve o ímpeto no segundo tempo. Vinícius de novo parou em Reina, antes de Benzema ter um gol anulado por fazer falta no lance, após ótimo cruzamento de Rodrygo. A noite, de qualquer forma, era protagonizada por Asensio. O espanhol completou sua tripleta aos dez, com assistência de Benzema e o tiro da entrada da área, rente à trave. Com a goleada desenhada, os merengues tiraram o pé do acelerador e Carlo Ancelotti realizou as primeiras substituições. Camavinga deixaria o campo muito aplaudido, assim como Asensio e Rodrygo pouco depois.

Benzema merecia mais um gol para também coroar sua boa atuação e conseguiu aos 33. David Alaba lançou e o francês conseguiu dominar com as costas. Mesmo marcado por dois adversários, chutou prensado e balançou as redes. Logo depois, também sairia ovacionado pelo Bernabéu. E o show teria números finais aos 39, a partir de mais um passe fantástico de Alaba. Vinícius Júnior recebeu e deixou a marcação comendo poeira na direita, antes de só rolar para a conclusão de Isco, livre na área. Luka Jovic ainda quase anotou uma pintura em acrobacia que Manolo Reina defendeu, mas Thibaut Courtois também apareceu no fim para negar o tento de Iddrisu Baba. O último lance teria um ótimo drible de Vinícius no cruzamento a Jovic, que acertou o travessão em cabeçada, embora a tentativa tenha sido anulada por falta do atacante.

O Real Madrid recupera a liderança com o resultado. Chega aos 16 pontos, dois a mais que o Atlético de Madrid. Além disso, impressionam os números ofensivos: são 21 gols, dez a mais que qualquer outro adversário neste início de campeonato. Sozinho, Benzema contribuiu com oito gols e sete assistências. Já o Mallorca é o décimo colocado, num início de campanha razoável. Os bermellones somam oito pontos, mas acumulam a terceira rodada consecutiva sem vencer.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo