La Liga

Hay Liga: Dembélé coloca o Barcelona nos calcanhares do Atlético de Madrid

Expulsão no final prejudicou o Valladolid, que arrancava ponto importante no Camp Nou; gol aos 44 do segundo tempo dá vitória sofrida ao Barcelona

Foi preciso mais uma partida épica para que o Barcelona arrancasse os três pontos. Não que o time tenha feito uma partida incrível, ou mesmo que tenha atropelado o Valladolid. Longe disso. O que acontece foi que os visitantes fizeram uma boa partida no Camp Nou, conseguiram se defender bem a maior parte do tempo e acabaram perdendo o jogo só no final, depois de uma expulsão controversa e um gol de Ousmane Dembélé pouco antes dos 45 minutos. Uma vitória crucial para as pretensões dos catalães, que estão nos calcanhares do Atlético de Madrid, agora só a um ponto de distância depois da derrota dos Colchoneros no fim de semana.

O técnico Ronald Koeman repetiu a escalação pelo quarto jogo seguido, com o esquema de três zagueiros. Frenkie De Jong foi mais uma vez o terceiro zagueiro, dando melhor saída de bola. Ele foi um dos destaques do jogo, que teve ainda os três atacantes, com Lionel Messi, Antoine Griezmann e Dembélé no ataque.

Com a bola, mas sem espaço, o Barcelona rondou, sem objetividade, sem velocidade, sem conseguir abrir o jogo pelos lados do campo. A melhor opção, como quase sempre, é Jordi Alba, pela esquerda. Sergiño Dest, forte no apoio, apareceu menos. Forçando demais o jogo pelo meio, o Barcelona não conseguia criar muitas oportunidades. Não conseguiu criar nenhuma boa chance no primeiro tempo. O time ficou mais ofensivo e teve mais chances. Griezmann perdeu uma boa chance em um rebote.

No segundo, se jogou ainda mais ao ataque com mudanças feitas a partir de 18 minutos. Koeman colocou em campo Ronald Araújo no lugar de Moscar Mingueza, Francisco Trintão no lugar de Griezmann e Martin Braithwaite no lugar de Sergio Busquets.

O gol sairia aos 44 minutos. Depois de uma jogada pela direita, De Jong recebeu e cruzou para a área. Ronald Araújo desviou de cabeça no meio do caminho e Dembélé chutou forte e marcou 1 a 0, para comemoração muito efusiva dos jogadores do Barcelona.

Assim como aconteceu em outros momentos, como contra o Rayo Vallecano e contra o Sevilla, o Barcelona teve uma boa dose de sorte para sair com os três pontos. Vai para o jogo da próxima semana contra o Real Madrid podendo até assumir a ponta, se o Atlético de Madrid tropeçar. O jogo, porém, é em Madri, e os merengues querem é fazer o contrário: vencer e deixar os catalães para trás na classificação.


Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo