La Liga

Depois de uma temporada difícil, Kubo volta ao Mallorca para recuperar seu moral na Espanha

Após liderar a seleção japonesa nas Olimpíadas, Kubo retorna outra vez por empréstimo de um ano ao Mallorca

Takefusa Kubo chegou a impressionar os companheiros de Real Madrid na pré-temporada de 2020/21, mas dentro do clube ainda acreditam que o japonês não está pronto para se integrar ao elenco, até por ocupar uma das vagas a jogadores extracomunitários. A última edição do Campeonato Espanhol seria de empréstimos pouco frutíferos ao armador, que mais uma vez passará os próximos meses cedido a outro clube de La Liga. E o garoto retorna ao Mallorca, onde teve momentos de brilho em 2019/20, apesar do rebaixamento. De volta à elite, os bermellones garantiram o retorno de Kubo por mais um ano. Será mais uma oportunidade para o jovem de 20 anos se firmar na Espanha.

Kubo se aclimatou rapidamente ao Mallorca em sua passagem anterior pelo clube, após chegar do FC Tokyo. O japonês contribuiu com quatro gols e cinco assistências, além de uma coleção de dribles e jogadas de efeito. Mesmo numa equipe que brigava na parte inferior da tabela, o meia protagonizou boas atuações inclusive contra adversários de peso. Foi o que o levou de volta para a pré-temporada com o Real Madrid e a um empréstimo mais robusto para o Villarreal.

O último ano, contudo, não seria bom a Kubo. Sua estadia no Villarreal foi decepcionante. O armador não aproveitou as oportunidades e somou poucos minutos em campo por La Liga, embora tenha contribuído na fase de grupos da Liga Europa. Insatisfeito com a falta de espaço, pediu a Unai Emery que o liberasse rumo ao Getafe. Nos Azulones, o japonês apareceu mais vezes entre os titulares e permitiu que o time se livrasse do rebaixamento. Mas não que exercesse uma influência tão grande como nos tempos de Mallorca.

Kubo não pôde fazer a pré-temporada. O meia esteve entre os principais nomes da seleção japonesa que alcançou as semifinais do torneio de futebol masculino nos Jogos Olímpicos. Destaque na competição, o garoto não esconderia a decepção pela derrota contra o México, que privou os Samurais Azuis do bronze. Tentará reconstruir sua reputação em La Liga num ambiente que conhece tão bem, tentando conferir mais estabilidade ao Mallorca na elite. O projeto dos bermellones nos bastidores é interessante e parte dos antigos companheiros permanecem por lá, o que facilita seu encaixe.

Talvez a grande questão para Kubo é a maneira como poderá aguentar a intensidade do futebol de alto nível. Habilidade não é problema para o japonês, que trata bem a bola e possui uma rara visão de jogo. Todavia, o semestre ruim no Villarreal deixou dúvidas sobre a maneira como poderá se destacar num time mais competitivo. A volta para o Mallorca serve para recuperar a confiança e, quem sabe, sublinhar ao Real Madrid que merece uma chance na próxima temporada. Aos 20 anos, o meia tem muito tempo pela frente e grande margem de evolução em diferentes aspectos.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo