Espanha

Depois das homenagens em treino e jogos, Barça quer ajudar Chape a se restabelecer com amistoso

Está sendo incrível ver toda a força e solidariedade que os clubes ao redor do mundo estão oferecendo à Chapecoense neste momento tão difícil de sua história. Vários já se colocaram à disposição do Verdão do Oeste quanto a empréstimo de jogadores, com o intuito de fazer com que o nível competitivo dos catarinenses não seja tão afetado assim pela tragédia. Um deles foi o Barcelona, que, nesta quinta-feira, emitiu uma nota em seu site oficial convidando a Chape para participar da próxima edição do Troféu Joan Gamper, torneio internacional, de caráter amistoso, organizado pela equipe catalã.

LEIA TAMBÉM: Combinação de carismas: Gudjohnsen se oferece para jogar na Chapecoense

Além das homenagens feitas durante o treino anterior ao Clásico e nos jogos contra Real Madrid e Borussia Mönchengladbad, o Barcelona “quer homenagear as 71 pessoas que morreram no acidente e ajudar suas famílias, e trabalhará para que a Chape participe da edição de 2017 do Troféu Joan Gamper. A intenção é que essa seja uma homenagem do mundo do futebol a todos os envolvidos na tragédia através de diferentes iniciativas em torno dessa partida, as quais serão divulgadas a medida em que se acerte o amistoso entre Barcelona e Chapecoense”, conforme escrito no comunicado. Nele, também é informado que o Barça enviou uma carta formal nesta quinta à diretoria da Chape, e que “o clube quer colaborar com a reconstrução institucional e esportiva do time brasileiro”.

O Troféu Joan Gamper, chamado dessa forma por ser uma homenagem ao fundador e primeiro presidente do clube, o suiço Hans-Max Gamper Haessig que, na Catalunha, ficou conhecido como Joan Gamper, acontece desde 1966. Das equipes brasileiras, Flamengo, Vasco, Botafogo, Santos e Internacional já participaram da competição de pequeno porte. Só o último dos cinco times, no entanto, conseguiu vencê-la, em 1982. Até os anos 90, o torneio era disputado por quatro times, em sistema de eliminatório de confronto simples, com disputas de pênaltis em caso de empate. De lá para cá, porém, o número de clubes foi reduzido a dois, com o Barcelona disputando o troféu com um convidado.

Além do Barça, outro clube que pode jogar contra a Chape é o Torino, que passou pela mesma situação em 1949. Contamos a história do possível amistoso aqui. Também rodou pela imprensa italiana sobre uma viável participação da Chapecoense no Troféu Berlusconi, torneio semelhante ao organizado pelo Barcelona, só que planejado pelo Milan. Foi uma ideia que a A.C. Milan Brasil, comunidade de torcedores milanistas brasileiros, levantou no Twitter e animou os rossoneri do mundo todo. Menos a diretoria do próprio clube, aparentemente, que não se pronunciou quanto a isso ainda.

Mostrar mais

Nathalia Perez

Jornalista em formação trabalhando a favor de um meio esportivo mais humano. Meus heróis sempre foram jogadores de futebol, mas hoje em dia são muito mais heroínas.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo