Espanha

Velho conhecido no Barcelona pode ser o primeiro reforço da era Flick

Thiago Alcântara tem o perfil de jogador que o Barcelona deseja para ajudar na adaptação de Flick

Com a despedida de Xavi Hernández, que deve acontecer neste domingo na última rodada da La Liga, em jogo contra o Sevilla, o Barcelona já começa a pensar na próxima temporada. E o substituto do ex-volante já foi escolhido pela diretoria: o alemão Hansi Flick deve ser anunciado na próxima semana como o novo técnico do time espanhol.

Mas para comandar o projeto da equipe catalã, Flick terá uma dificuldade para superar, ao menos em seus primeiros meses: o idioma. O treinador sempre atuou em times do seu país, e o máximo de experiência que teve fora da Alemanha foi como auxiliar do Red Bull Salzburg, mas a língua oficial da Áustria também é o alemão.

E com isso, em mente, a ideia dos dirigentes do Barcelona é fazer essa transição com o auxílio de um jogador experiente, que tenha uma boa noção da estrutura do clube, seja uma liderança no vestiário e um bom comunicador das ideias do técnico alemão. Segundo o jornal As, Deco, diretor de futebol do clube, está procurando por atletas já em fim de carreira, e saibam a língua alemã para ajudar na adaptação entre Flick e o restante do elenco blaugrana.

Foto: (IconSport) - Thiago Alcântara está de saída do Liverpool
Foto: (IconSport) – Thiago Alcântara está de saída do Liverpool

Thiago tem história de sucesso no clube e com Flick

E o plano A do Barcelona já foi definido e até mesmo consultado. Sem contrato com o Liverpool a partir de julho, Thiago Alcântara foi procurado pela direção do Barcelona por se encaixar no perfil desejado. Revelado pelo time catalão, o meio-campista atuou de 2013 a 2020 no Bayern de Munique, tendo inclusive sido campeão da Bundesliga e da Champions League sob o comando do próprio Flick no time bávaro.

Ainda com 33 anos, Thiago pode atuar em grande nível por mais tempo, mesmo tendo problemas crônicos de lesão. Seu talento aliado à postura dentro do vestiário fazem com que ele seja o preferido de Deco. Porém, a consulta está em um período inicial, e de acordo com o periódico, os agentes do atleta não mostraram muita empolgação com a ideia.

Outros nomes são observados

Outro espanhol comandado por Flick também no Bayern de Munique está sendo levado em consideração. Já com 35 anos, Javi Martínez atuou com a camisa do time alemão entre 2012 e 2021. Mesmo que saiba falar alemão fluentemente, o defensor, que atualmente joga no Qatar Sports Club, nunca passou sequer pelas categorias de base do Barcelona, o que poderia ser um empecilho.

O plano C da direção também já teve passagens por Barcelona e pela Alemanha. Revelado por La Masia, o zagueiro Marc Bartra jogou dois anos pelo Borussia Dortmund, e tem uma compreensão menor do idioma alemão do que os citados. Nem ele e nem Martínez chegaram ainda a ser contatados pela direção blaugrana.

Outro nome mais distante mas também possível é Ivan Rakitić. Nascido na Suíça e tendo atuado por anos no Schalke 04, o meia croata ganhou quatro edições da La Liga e uma Champions League sendo importante no Barcelona. Porém, o meia recentemente rumou para o Al-Shabab, da Arábia Saudita, e certamente ganharia muito menos na Catalunha do que recebe no Oriente Médio.

Ciente de que a negociação não será fácil, a direção do clube já se mexe antes do fim da temporada para acertar com algum jogador com o perfil procurado. É difícil encontrar alguém experiente, que saiba tanto espanhol como alemão e que já chegue como uma referência no vestiário, entrando agora no clube.

Mas mesmo assim, isso é parte importante da estratégia que está sendo montada para fazer com que o time ganhe coesão rapidamente com o trabalho que deverá ser implementado pelo provável novo técnico do Barcelona.

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo