Brasil

Velo Clube faz história e volta à elite do futebol paulista após 45 anos

Time de Rio Claro empata sem gols em casa com o Juventus e garante vaga na final do Paulista A2

O Velo Clube é o primeiro time a garantir o acesso para a Série A1 do Campeonato Paulista em 2025. Após empate sem gols na tarde deste sábado diante do Juventus, no Estádio Benito Agnello Castellano, os comandados de Guilherme Alves confirmaram a classificação para a final do Paulista A2 e consequentemente a vaga para a primeira divisão do futebol de São Paulo na próxima temporada. Vale lembrar que o time de Rio Claro teve o zagueiro Julio Vaz expulso no fim do primeiro tempo. Na ida, o Velo venceu o tradicional time da Mooca pelo placar de 1 a 0, gol marcado por Caio Mancha.

Porém, apesar do acesso, a caminhada do Velo Clube não foi nada fácil. Após derrota para o próprio Juventus, ainda na terceira rodada, a diretoria do Velo Clube trocou o comando técnico ao demitir o técnico Fahel Júnior e escolheu Guilherme Alves, ex-Marília e Novorizontino, para dar seguimento ao trabalho. A escolha se demonstrou acertada, tendo em vista a campanha do time de Rio Claro na primeira fase e no mata-mata. Além do trabalho coletivo, alguns nomes como o lateral-esquerdo Léo Campos e o meia Felipinho demonstraram muito valor e contribuíram para o retorno da equipe à elite do futebol paulista após 45 anos.

Resiliência e bom planejamento na montagem do elenco

Desde 1979, o Velo Clube não disputava a primeira divisão de São Paulo, contudo, há algum tempo, a equipe vinha chegando perto do acesso à primeira divisão estadual. Campeão da Série A3 em 2020 batendo o EC São Bernardo na decisão, o Velo não conseguiu a classificação para o mata na Série A2 em 2021. Porém, conseguiu a vaga nas quartas de final em duas oportunidades seguidas, em 2022 e 2023, mas foi eliminado por Rio Claro e Noroeste respectivamente.

Para 2024, a diretoria do Velo Clube investiu na montagem de um elenco competitivo para finalmente conseguir alcançar o acesso, e nos momentos mais decisivos, mostrou um futebol eficiente para superar os adversários e finalmente chegar à prateleira mais alta do futebol de São Paulo. Nomes como do volante Martinelli e do ala direito Mizael também tiveram seu destaque.

Classificação diante do São José nas quartas deu moral extra ao Velo Clube

O Velo Clube encarou o São José nas quartas de final do Paulista A2. Vice-líder na fase eliminatória, o time de São José dos Campos e campeão da Copa Paulista em 2023 era considerado favorito pela campanha na etapa inicial do Paulista A2 e também por montar um time pensando na disputa do Campeonato Brasileiro da Série D. Contudo, o time de Rio Claro não se intimidou com o poderio do seu adversário e mostrou a sua melhor qualidade dentro e fora de casa.

Na ida, Felipinho e Léo Campos, em um lindo gol de falta, marcaram os gols da vitória por 2 a 1, abrindo vantagem para a disputa em São José dos Campos. Nem a pressão do Estádio Martins Pereira foi suficiente para tirar o foco do Velo Clube na volta, que repetiu o placar de 2 a 1 na volta e garantiu a classificação para a semifinal da competição.

Restava apenas um passo para conseguir o tão sonhado acesso, que não vinha há 45 anos e passou perto de acontecer em 2022 e 2023. A vitória contra o favorito São José deu uma motivação a mais para que os comandados de Guilherme Alves, ao seu melhor estilo, conseguissem superar o Juventus na semifinal da competição e finalmente retornasse à elite do futebol paulista.

Fator Caio Mancha fez a diferença

Além de Felipinho e Léo Campos, outro jogador que merece destaque nesta campanha é Caio Mancha, autor de dois gols na fase mata-mata, sendo um na vitória no jogo de volta contra o São José e o gol do triunfo frente ao Juventus no primeiro jogo da semifinal. Contratado após a primeira fase do Paulista A2, a experiência do atacante, que conquistou o acesso com a Portuguesa em 2021, foi importante para que o Velo Clube conseguisse subir mais um degrau dentro do futebol de São Paulo.

Caio Mancha marcou dois gols em quatro jogos disputados pelo Velo Clube, passando em branco nos confrontos de ida diante do São José e na volta contra o Juventus. Contudo, a presença do centroavante em campo deu a confiança necessária para o time conquistar o acesso à principal divisão do futebol paulista em 2025.

Guilherme Alves fala em título do Paulista A2

O primeiro passo foi alcançado, mas o Velo Clube quer mais e vai em busca do título do Paulista A2, isso segundo as palavras do seu treinador, Guilherme Alves, que valorizou o trabalho da comissão técnica e dos atletas do clube, mas afirmou que o time vai em busca da taça da competição. A equipe de Rio Claro aguarda pela decisão da outra semifinal entre Portuguesa Santista e Noroeste, que se enfrentam neste domingo.

“O acesso foi conquistado com muita “sofrência”, mas isso coroa um trabalho muito bom. Tivemos de trabalhar muito com um a menos e dedico o acesso a minha esposa e filhos. Vamos para a final e vamos buscar o título”. Afirmou o treinador do Velo Clube.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo