Brasil

Vasco vê concorrência por Coutinho aumentar, mas segue otimista por final feliz

Com a demora pelo acerto entre Vasco e Coutinho, outros clubes, como o Botafogo, passaram a monitorar a situação do meia

Antes dada como certa, a negociação do Vasco por Philippe Coutinho pode virar mais uma novela – e com direito a novos personagens.

Enquanto ainda tenta acertar os últimos detalhes para selar a volta do meia, o Cruz-Maltino, apesar de seguir confiante no acerto com o cria da Colina, vê a concorrência aumentar — inclusive, com um rival no páreo.

Coutinho sempre deixou claro o seu desejo de voltar ao Vasco. No seu desembarque no Brasil, em maio, o meia falou que “todos sabem” qual é a sua vontade. Mas, ainda em negociação pela rescisão de contrato com o Aston Villa e, é claro, ainda sem assinar o acordo com o Vasco, o meia também atraiu o interesse do Botafogo. A diretoria do Glorioso observa, a distância, mas atenta, o desenrolar da negociação com o Vasco.

O Botafogo sabe que Coutinho dá preferência ao Vasco para voltar ao Brasil. Caso o negócio com o Cruz-Maltino não avance, o Glorioso apresentará uma proposta ao meia de 32 anos. Além do Botafogo, Cruzeiro e Grêmio também foram citados como possíveis clubes interessados na contratação de Coutinho. A informação sobre o interesse do Botafogo foi dada inicialmente pelo Sportv e confirmada pela Trivela.

Como está a negociação entre Vasco e Coutinho?

Como a Trivela mostrou recentemente, Vasco e Philippe Coutinho já têm um acordo encaminhado, com valores salarias e tempo de contrato definido. O Cruz-Maltino, inclusive, já preparou a documentação para fechar o negócio. As partes só estariam esperando o desfecho da rescisão com o Aston Villa para poder assinar o acordo. No entanto, a situação do clube no Campeonato Brasileiro pode afetar o desfecho das conversas.

Coutinho quer garantias de o Vasco vai ter um time competitivo para a sequência da temporada. Para isso, o meia chegou a sugerir a contratação de nomes como o volante Souza e o meia-atacante Alex Teixeira, ambos também crias de São Januário. Coutinho indicou o nome dos dois, mas não impôs um acordo com os jogadores como condição para assinar com o Vasco.

No entanto, o meia deseja ao menos uma promessa ou demonstrações de que o Vasco terá um time competitivo para brigar por situações melhores na temporada. Atualmente, o Cruz-Maltino é apenas o 15º colocado no Campeonato Brasileiro, com sete pontos conquistados em nove jogos.

No último sábado, o Vasco, através do presidente Pedrinho, que agora é sócio majoritário da SAF, se reuniu com Coutinho. Pelo lado vascaíno, a conversa foi tratada como boa. O clube associativo, inclusive, publicou uma mensagem de Pedrinho nas suas redes sociais.

– Ontem, me encontrei com os representantes do Phillippe Coutinho. A conversa foi boa e a negociação continua – publicou o Vasco no X (Twitter).

A publicação do Vasco aconteceu horas depois do ex-jogador e ídolo Edmundo ter falado que o Vasco não teria gostado das exigências de Coutinho. Edmundo é aliado e amigo de Pedrinho, e participou da campanha para a eleição do atual presidente do clube associativo.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Jornalista formado pela UFF e com passagens, como repórter e editor, pelo LANCE!, Esporte News Mundo e Jogada10. Já trabalhou na cobertura de duas finais de Libertadores in loco. Na Trivela, é setorista do Vasco e do Botafogo.
Botão Voltar ao topo