Brasil

Romero se diz surpreso com afastamento no Botafogo e considera decisão apressada

De acordo com o Botafogo, o meia Óscar Romero foi afastado por questões disciplinares, o que foi questionado pelo jogador paraguaio

Em uma semana de jogo decisivo pela Copa Libertadores, o Botafogo se viu em meio a uma polêmica extracampo. Após o afastamento dos meio-campistas Diego Hernández e Óscar Romero, anunciado pelo clube na última segunda-feira (13), o paraguaio questionou a decisão da diretoria alvinegra. Romero disse ter ficado surpreso com o corte da viagem para Lima, no Peru, onde o Botafogo enfrenta o Universitario, pela quinta rodada do Grupo D da Libertadores, na próxima quinta-feira (16), às 19h (horário de Brasília).

Em entrevista à Rádio Monumental, do Paraguai, Óscar Romero jogou a responsabilidade dos problemas para Diego Hernández. De acordo com o Botafogo, os dois foram afastados por “questões disciplinares”. Segundo o ge, a dupla teria levado mulheres para o hotel em que o elenco estava hospedado em Fortaleza, no último domingo, quando a equipe empatou com Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro.

— Foi uma decisão do Botafogo. Foram coisas de convivência dentro do plantel. Aconteceram coisas com meu companheiro, com Diego, na concentração que não deveria acontecer. Eles tomaram a decisão, para mim apressada. A mim, informaram a decisão de voltar ao Rio e fiquei surpreso — disse Romero à Rádio Monumental.

O Botafogo não deu mais detalhes sobre os motivos do afastando dos dois jogadores. Segundo o ge, a dupla teria sido flagrada com mulheres no quarto do hotel por um membro da comissão técnica de Artur Jorge. Óscar Romero, no entanto, questionou a informação e também indicou uma certo incômodo com a forma como o Botafogo tratou a decisão.

— Deram informações fora de contexto que não são certas. Isso me incomoda, porque afeta a minha família. Se especula muito com o termo indisciplina. Poderiam ter lidado de outra forma com o tema, mas tenho que aceitar. Quando voltarem os dirigentes e a comissão técnica vamos conversar e resolver — disse Romero.

Romero diz que acata decisão do clube

Apesar de ter afirmado estar surpreso e ter considerado a decisão apressada, Óscar Romero disse ter acatado o afastamento pelo Botafogo. Ainda assim, ele reforçou a crítica a forma com a decisão foi divulgada pelo clube.

– Não posso dizer exatamente o que aconteceu, porque o clube também não o fez, para resguardar o elenco, eu gostaria de ser criterioso também. Mas quero deixar claro que estão dizendo coisas que não são certas, que estão fora do contexto. Falam de “indisciplina” e isso pode ser muitas coisas. Acato a decisão, creio que poderia ter sido de outra forma, mas tenho que acatá-la

Botafogo considera assunto encerrado

O Botafogo, por sua vez, considera o afastamento de Romero e Diego Hernández como assunto encerrado. Além de terem sido cortados da viagem para Lima, os dois também foram multados. Os meias já devem ser reintegrados aos elenco no próximo jogo do Campeonato Brasileiro, no domingo (19), contra o Corinthians, às 16h (horário de Brasília), na Neo Química Arena.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor de Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo