Brasil

‘A tão sonhada Libertadores’: Essa é a meta de Hulk no Atlético-MG para entrar ainda mais para a história

Cravado na história do Atlético com tudo que fez desde 2021, Hulk quer mais pelo clube agora que renovou por mais três anos, e a Libertadores é o objetivo

De contrato renovado até o fim de 2026 com o Atlético-MG, Hulk terá mais três anos para seguir escrevendo seu livro no clube, onde já se tornou um dos maiores e mais importantes jogadores da história. Nesses próximos anos, a meta dele é entrar ainda mais na biografia do clube, com gols e títulos, e o principal deles, sem dúvidas, é a Copa Libertadores.

No Atlético desde 2021, Hulk já conquistou dois dos principais títulos possíveis: o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil, ambos justamente em 21, com ele sendo o artilheiro e o cara do time. No entanto, naquele mesmo ano, o Galo chegou perto de fazer história, conquistando também a Libertadores, mas parou, de forma dramática, nas semifinais. Desde então, a competição continental é o maior sonho do clube e dos jogadores, e eles não escondem isso.

– A tão sonhada Libertadores (é o que falta). É o que a gente não ganhou ainda. A gente sabe a grandeza da competição. Temos apenas uma e sabemos que, ganhando, todo mundo entra para a história, não só eu. É um sonho, uma meta, sabendo das dificuldades que vamos enfrentar. Cada ano é mais difícil, os times estão mais preparados. É trabalhar e persistir – afirmou o jogador.

Em 2024, Hulk e seus companheiros terão uma nova chance de conquistar a América. O Atlético entrará na fase de grupos da Libertadores no bolo dos favoritos, ou dos que tem mais chances. Mas, como o atacante citou, não será nada fácil, principalmente se o adversário no mata-mata for o Palmeiras. Isso porque o time paulista eliminou o Galo das últimas três edições. A já citada em 2021 nas semis, nas quartas de 2022 e nas oitavas de 2023.

Hulk de contrato renovado para aumentar a idolatria

Independentemente da taça da Libertadores ser conquistada pelo Atlético com Hulk em campo nos próximos anos, o jogador já estará marcado para sempre na história do clube. São títulos, gols – inclusive a um do 100° -, jogadas e um tratamento como ser humano que poucos tiveram e tem com a torcida atleticana. Tudo isso coloca o atacante, sem dúvidas, pelo menos no Top 10 da história atleticana. Mas ele não quer parar por aí.

É muito satisfatório poder renovar. Todo mundo sabe do orgulho que tenho de vestir essa camisa, o tanto que eu gosto de vir para a Cidade do Galo para trabalhar. Minha família 100% adaptada. Estamos muito felizes e espero continuar contribuindo e somando dentro de campo – Hulk

Ao fim desse novo contrato, Hulk já terá 40 anos. Pelo nível de cuidado que ele tem com seu corpo e com sua saúde, certamente ainda estará apto a jogar por mais alguns anos caso queira. No entanto, o que vai acontecer daqui a três anos não é algo que já passa na cabeça do atacante atleticano.

– Se você me perguntar se já passou algo na minha cabeça do que vou fazer daqui a uma semana, eu não sei te responder (risos). Procuro viver cada momento da melhor maneira possível. Se vou encerrar, renovar, encerrar antes não sei. Sempre deixo nas mãos de Deus – destacou.

O que Hulk sabe, como já citado, é que ele quer seguir somando para o Atlético não só dentro como fora de campo também, escrevendo mais linhas da sua bela trajetória com a camisa atleticana: “Estiquei o contrato por mais três anos e espero seguir somando, ganhar mais títulos e ficar marcado cada vez mais na história do clube. Estou muito feliz, meus familiares também, acredito que toda a Massa atleticana também, e espero que sejam mais três anos de muitas alegrias”.

Renovação e consultas de outros clubes

Pela relevância que tem, sendo um dos melhores (se não o melhor) jogador do futebol brasileiro desde que chegou ao país em 2021, Hulk atrai interesse de todos os cantos. Ele revelou que, desde que chegou ao Galo, recebe consultas e propostas de clubes brasileiros e do exterior, mas que sempre deixou isso nas mãos dos dirigentes atleticanos, que sempre deixaram claro a intenção de mantê-lo.

– Conversei inúmeras vezes com o Caetano, ele sabia de todos os interesses dos clubes. Falei com ele que era com o Atlético, se tinham interesse em ouvir e me vender. O Atlético sempre teve como meta me manter e eu também sempre estive focado aqui — afirmou Hulk, que citou ainda o peso da relação com o clube, o respeito dos mineiros, não só atleticanos, e adaptação da família (que vai crescer mais em breve).

Foto de Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick se formou em Jornalismo na PUC Minas em 2021. Antes da Trivela, passou por Esporte News Mundo, EstrelaBet e Hoje em Dia.
Botão Voltar ao topo