Brasil

Mesmo em baixa, Maurício deixa o Internacional como um dos melhores custos-benefícios da história; veja lista

Meia de 22 anos, que veio para o Colorado em troca com o Cruzeiro por William Pottker, está próximo de ser anunciado pelo Palmeiras

Ao comunicar que Maurício ficou de fora dos relacionados para o jogo contra o Corinthians, nesta quarta-feira (19), no Orlando Scarpelli, em Florianópolis/SC, pelo Campeonato Brasileiro, o Internacional praticamente confirma a venda do meia de 22 anos para o Palmeiras.

Mesmo que saia em um momento de baixa, tanto seu quanto da equipe, Maurício deixa o Internacional como um dos maiores custos-benefícios da história do clube. Principalmente pelo aspecto financeiro.

Maurício veio do Cruzeiro, em 2020, então com 19 anos, em troca por William Pottker, atacante muito contestado pela torcida colorada.

Agora, o Inter deve vender por 7 milhões de euros (R$ 41 milhões) os 50% dos direitos econômicos a que tem direito do meia.

As maiores vendas da história do Internacional

  1. Yuri Alberto (2020) – R$ 120,75 milhões
  2. Oscar (2012) – R$ 79 milhões
  3. Bruno Fuchs (2020) – R$ 51 milhões
  4. Aránguiz (2015) – R$ 50 milhões
  5. Nilmar (2009) – R$ 45 milhões
  6. Fred (2013) – R$ 44 milhões
  7. Leandro Damião (2014) – R$ 41,6 milhões
  8. Maurício (2024) – R$ 41,1 milhões
  9. Vinicius Tobias (2022) – R$ 36,8 milhões
  10. Nico López (2019) – R$ 36 milhões

‘Maurício és crack, Maurício és top': meia teve bons momentos no Internacional

Maurício viveu altos e baixos no Internacional. Em geral, seus melhores momentos foram com treinadores propositivos, que potencializaram as características de passe, aproximação e finalização do meia, quase sempre partindo do lado direito.

Maurício é craque. Maurício é top — derreteu-se Miguel Ángel Ramirez

A declaração do ex-treinador espanhol do Inter, no início de 2021, era relembrada frequentemente pela torcida colorada quando o meia tinha uma grande atuação.

A melhor temporada de Maurício, tanto em números quanto em desempenho, foi em 2023. Somou 11 gols e 11 assistências em 48 jogos. Teve atuações memoráveis, por exemplo, nas vitórias sobre o Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro, em que marcou dois gols, e sobre o Independiente Medellín, pela Libertadores, com um gol e duas assistências.

— Maurício, não vou falar de encaixe, mas sim do quão importante que é para nós. Gosto muito. Muito bom jogador para mim. É muito importante para nós, para o grupo, quando pode participar. Não vou discutir a qualidade dele. A verdade é que fechou o ano de maneira espetacular — elogiou o técnico Eduardo Coudet.

O rendimento rendeu convocação para a disputa do Pré-Olímpico com a Seleção Brasileira, no início de 2024. Mesmo com o insucesso brasileiro no torneio, ele retornou bem ao Inter, sendo o melhor em campo no único Gre-Nal disputado até aqui nesta temporada.

Desempenho decaiu, e cobrança da torcida aumentou após eliminação para o Juventude

Porém, Maurício foi considerado um dos vilões da eliminação do Inter para o Juventude, na semifinal do Campeonato Gaúcho.

O meia caiu na provovação de Nenê e foi expulso no segundo tempo, dificultando a possibilidade do Colorado, que foi derrotado nos pênaltis, vencer no tempo normal.

Maurício foi expulso na eliminação do Internacional para o Juventude. Foto: Maxi Franzoi/IconSport

Desde então, Maurício passou a ser criticado pela torcida, e seu desempenho decaiu. Isso fez com que o Inter reconsiderasse a ideia de não vender o meia para o mercado interno, esperando apenas propostas de dois dígitos do futebol europeu.

Maurício encerra a passagem de três anos e cerca de oito meses pelo Internacional com 176 jogos, 25 gols e 25 assistências. Entretanto, a ausência de títulos neste período faz com que, para parte da torcida colorada, ele não deixe saudade.

Foto de Nícolas Wagner

Nícolas WagnerSetorista

Gaúcho, formado em jornalismo pela PUC-RS e especializado em análise de desempenho e mercado pelo Futebol Interativo. Antes da Trivela, passou pela Rádio Grenal e pela RDC TV. Também é coordenador de conteúdo da Rádio Índio Capilé.
Botão Voltar ao topo