Brasil

Fluminense ficará com Lelê, e terá semana de definições de contratos no fim

Destaque do Carioca em 2023, Lelê fica no Fluminense após empréstimo, e clube definirá futuro de outros jogadores antes do Mundial de Clubes

O Fluminense já está com a cabeça no Mundial de Clubes, mas a diretoria trabalha para que 2024 seja um ano ainda melhor para o campeão da Libertadores. Com a política de fazer contratos longos e apostar na manutenção do elenco para brigar por títulos, o Tricolor definiu que ficará com o atacante Lelê e terá uma semana decisiva para definir o futuro de outros atletas.

Ainda que esteja em busca de reforços para o elenco no mercado da bola, o Flu começará com o dever de casa. Poucos jogadores têm vínculos que se encerram nos próximos meses.

Emprestado pelo Itaboraí Profute, Lelê é o caso principal. O atacante tem cláusula de compra fixada em R$ 4 milhões, conforme informação publicada pelo ge e confirmada pela Trivela. Seu contrato estipulava metas de participações em jogos que foram alcançadas pelo jogador de 26 anos, que marcou dois gols e deu três assistências pelo Flu em 2023.

Em tese, o vínculo obriga o Fluminense a pagar a quantia para manter Lelê, o que é um desejo de todas as partes. A diretoria busca um entendimento com o detentor de seus direitos econômicos para fechar negócio ainda em 2023 e estipular os parâmetros de um novo contrato.

Certo é que o destaque do Campeonato Carioca nesta temporada fica no seu clube de coração.

Fluminense tenta prorrogar empréstimo de Marlon

Como adiantado pela Trivela nas últimas semanas, o Fluminense tenta prorrogar o empréstimo do zagueiro Marlon. Com a iminente saída de Nino, o caso virou uma prioridade no clube e está sendo tocado diretamente pelo presidente Mário Bittencourt junto ao Shakhtar Donetsk-UCR.

Torcedor do Fluminense, Marlon quer ampliar empréstimo no clube em 2024 - Foto: MARCELO GONÇALVES / FLUMINENSE FC
Torcedor do Fluminense, Marlon quer ampliar empréstimo no clube em 2024 – Foto: MARCELO GONÇALVES / FLUMINENSE FC

A negociação não é simples, uma vez que o Tricolor se valeu de uma liberação especial da Fifa para assinar com o defensor. A entidade máxima do futebol mundial abriu a possibilidade de atletas se transferirem de Rússia e Ucrânia sem custos por conta dos conflitos envolvendo os países.

O vínculo de Marlon com o Fluminense vai até o fim de junho de 2024. A ideia do clube é estender o empréstimo ao menos até dezembro do próximo ano. O zagueiro tem contrato com o Shakhtar até junho de 2026.

Antônio Carlos é o primeiro reforço do Fluminense para 2024

No setor, o Flu terá seu primeiro reforço. O zagueiro Antônio Carlos tem acordo encaminhado com o Tricolor e é esperado no Rio de Janeiro para a reapresentação do elenco em 2024.

Fluminense tem acerto com Antônio Carlos para a zaga em 2024; clube quer reforços para a próxima temporada - Foto: Icon sport
Fluminense tem acerto com Antônio Carlos para a zaga em 2024; clube quer reforços para a próxima temporada – Foto: Icon sport

Entre o defensor e o clube já há um acerto desde o meio da temporada, e agora, o jogador negocia sua liberação junto ao Orlando City-EUA para voltar à sua cidade natal. Antônio Carlos atuou na base do Fluminense antes de começar sua carreira profissional pelo Corinthians, onde formou zaga com Marquinhos, capitão da Seleção Brasileira.

Fluminense analisa permanência de Giovanni

Outro jogador com vínculo a se encerrar no fim de 2023 é o meia Giovanni. Destaque na base do Santos, o jovem chegou ao Tricolor como aposta no começo do ano, após passagem pelo Ajax-HOL e outros clubes menores do país.

Nos primeiros jogos, o jovem de 21 anos agradou bastante à torcida e ao técnico Fernando Diniz. Com o desenrolar da temporada, ele acabou perdendo espaço para outros jogadores e foi pouco utilizado. Pela idade e por não ser um atleta caro, Giovanni tem boas chances de ter o vínculo renovado.

Não está descartada a hipótese de uma renovação seguida de um empréstimo durante os estaduais. Giovanni, que tem Giuliano Bertolucci como agente, quer ficar no Brasil e tem o Fluminense como prioridade. O clube avalia bem o jogador e pode apostar em seu desenvolvimento. A definição deve acontecer até o fim desta semana.

Foto de Caio Blois

Caio Blois

Caio Blois nasceu no Rio de Janeiro (RJ) e se formou em Jornalismo na UFRJ em 2017. É pós-graduado em Comunicação e cursa mestrado em Gestão do Desporto na Universidade de Lisboa. Antes de escrever para Trivela, passou por O Globo, UOL, O Estado de S. Paulo, GE, ESPN Brasil e TNT Sports.
Botão Voltar ao topo