Brasil

Crise no Coritiba e rebaixamento no Grêmio: quem é Carlos Amodeo, novo CEO do Vasco

Novo CEO da SAF do Vasco, Carlos Amodeo chega ao clube uma semana depois de deixar o Coritiba

O Vasco tem um novo CEO para comandar a SAF. Nesta segunda-feira (8), o clube anunciou a chegada de Carlos Amodeo para assumir o cargo, que estava vago desde a saída de Lúcio Barbosa, há quase um mês.

Além disso, o Vasco também anunciou Raphael Vianna, ex-diretor financeiro do Cruzeiro, como novo CFO do clube.

Carlos Amodeo chega ao Vasco após um trabalho muito criticado pela torcida no Coritiba. Ele deixou o clube paranaense na última semana, após uma decisão em comum acordo com a Treecorp Investimento, dona de 90% das ações da SAF do Coxa.

Amodeo estava no Coritiba desde maio de 2023. Segundo Bruno D'Ancona, da Treercorp Investimento, o dirigente foi responsável pela criação de “alicerces sólidos para o fortalecimento e sustentabilidade do Coritiba a longo prazo”.

Na nota em que anunciou a saída de Amodeo, o Coritiba ainda afirmou que ele lidreou uma ampla reestruturação administrativa no clube, além de ter viabilizados os maiores contratos de patrocínio e fornecimento de material esportivo da história do clube.

No entanto, a gestão do futebol do Coritiba gerou muitos protestos da torcida nos últimos meses. Torcedores levaram faixas contra Carlos Amodeo para o Couto Pereira e, em maio, um torcedor relatou ter sido agredido por um segurança por estar com uma faixa contra a Treecorp e pedindo a saída de Amodeo.

Amodeo ajudou em reestruturação do Grêmio

Antes do Coritiba, Carlos Amodeo foi CEO do Grêmio, entre 2017 e 2022. No Imortal, teve um bom começo de gestão e foi responsável pela estruturação financeira do clube. Ele chegou a ser eleito o melhor CEO de clube do Brasil por dois anos seguidos, em 2018 e 2019, no CONAFUT.

No entanto, também ficou marcado por resultados ruins no futebol no fim da sua gestão. Em 2021, o Grêmio foi rebaixado no Campeonato Brasileiro. Ele deixou o clube no fim de 2022, quando acabou a gestão de Romildo Bolzan no clube.

Novo CFO do Vasco chegou por indicação de ex-Cruzeiro

Antes de acertar com Carlos Amodeo, o Vasco chegou a negociar com Gabriel Lima, ex-CEO do Cruzeiro, para assumir o cargo no clube. No entanto, de acordo com o ge, a negociação esfriou após o vazamento da informação.

Então Pedrinho, controlador da SAF do Vasco, aproveitou um nome que foi indicado por Gabriel Lima: Raphael Vianna, o novo CFO do clube.

Vianna, que também trabalhou no Cruzeiro, vai assumir o cargo, que também estava vago há quase um mês, quando Kátia dos Santos deixou a SAF do Vasco junto com Lúcio Barbosa.

Confira a nota do Vasco

O Vasco da Gama informa a chegada de dois novos profissionais para compor a Diretoria Administrativa da SAF. Carlos Amodeo será o novo CEO e Raphael Vianna assumirá o cargo de CFO.

Com uma sólida experiência em gestão corporativa, além de carregar no currículo a atuação como CEO do Grêmio e Coritiba, o advogado Carlos Amodeo foi reconhecido com o melhor CEO de clubes de futebol, em 2018 e 2019, pelo Conafut.

Raphael Vianna, por sua vez, é executivo com mais de 25 anos de experiência em finanças e sua última experiência foi como Diretor Financeiro do Cruzeiro SAF, onde liderou o processo de reestruturação financeira e captação de recursos do clube.

Os profissionais chegam ao Gigante da Colina para qualificar a gestão corporativa e área de negócios da SAF.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel RodriguesSetorista

Jornalista formado pela UFF e com passagens, como repórter e editor, pelo LANCE!, Esporte News Mundo e Jogada10. Já trabalhou na cobertura de duas finais de Libertadores in loco. Na Trivela, é setorista do Vasco e do Botafogo.
Botão Voltar ao topo