Brasileirão Série A

Postura de Rueda na venda de Deivid irrita Marcos Leonardo e complica relação com Santos

O camisa 9 do Santos está decidido a se transferir para a Roma, da Itália, já nesta janela de transferências

O sentimento de Marcos Leonardo pelo Santos é de total ruptura. O centroavante de 20 anos está decidido a trocar o Peixe pela Roma, da Itália, pois se encontra incomodado com o comportamento do presidente Andres Rueda diante da oferta do clube italiano e o não cumprimento de uma promessa feita a ele para essa janela de transferências.

A irritação do camisa 9 e dos seus representantes aumentou nesta terça-feira (8) ao tomarem conhecimento de que a venda de Deivid para o Chelsea, da Inglaterra, ainda não está sacramentada.

Conforme noticiado inicialmente pelo UOL, o Monaco igualou a oferta dos ingleses. Assim, o Menino da Vila terá que escolher para qual clube quer se transferir nos próximos dias.

De acordo com o apurado pela Trivela, a decepção com o presidente do Santos cresceu pelo fato de, na opinião de Marcos Leonardo e seus representantes, o mandatário estar mais empenhado em travar a sua venda do que tentar adiar a liberação de Deivid para depois do encerramento do Campeonato Brasileiro.

+ LEIA MAIS: Polícia busca responsáveis por vazamento de dados pessoais de Andres Rueda

Isso permitiria ao clube não perder as suas duas primeiras opções como centroavante quase que simultaneamente.

Marcos Leonardo está sem treinar

Decidido a se transferir para a Roma, Marcos Leonardo não participou de nenhuma atividade no CT Rei Pelé nesta semana. O jogador quer que Rueda cumpra aquilo que lhe foi prometido no começo da atual temporada.

Qual foi a promessa?

Antes da disputa do Sul-Americano Sub-20 de seleções, entre janeiro e fevereiro deste ano, o presidente do Santos pediu a permanência de Marcos Leonardo para a disputa do Campeonato Paulista. Em troca, o dirigente aceitaria liberá-lo para a disputa do Mundial da categoria, realizado na Argentina, no último mês de junho, e negociá-lo na janela de transferências deste meio de ano.

Com a chegada da proposta da Roma, o camisa 9 esperava que Rueda lembrasse da promessa feita em janeiro e o negociasse. Mas isso ainda não ocorreu.

Muito pelo contrário. Diante da oferta do Chelsea por Deivid, o dirigente prontamente aceitou o negócio e usa isso como justificativa para segurar Marcos Leonardo no Santos, pois, segundo Rueda, não dá para perder dois centroavantes de uma vez em momento tão delicado no Campeonato Brasileiro.

Marcos Leonardo queria prioridade

Por estar há mais tempo no profissional e ter um combinado com Rueda, Marcos Leonardo entende que a sua venda tinha que ser tratada como prioridade pelo presidente.

Além disso, os empresários do camisa 9 pensam que Rueda poderia trabalhar para vender Deivid agora, como deseja, mas condicionar isso a sua saída somente na abertura da janela de transferências de janeiro 2024.

+ LEIA MAIS: Diego Aguirre desembarca no Brasil e afirma: ‘Será um grande desafio’

Assim, o Santos não perderia duas opções para o mesmo setor simultaneamente.

Qual o valor da proposta da Roma?

A proposta da Roma consiste em 12 milhões de euros (R$ 64 milhões) à vista por 60% dos direitos econômicos – o Peixe tem 70% dos direitos econômicos do jogador – e outros 6 milhões (R$ 32 milhões) diante de metas alcançadas.

A equipe da capital italiana se propôs a deixar 10% dos direitos econômicos de Marcos Leonardo com o Santos. Isso permitirá ao time da Vila Belmiro receber tal percentual de uma futura venda do jogador.

Quais são as metas para Marcos Leonardo?

Para que o Peixe receba os 6 milhões de euros, a Roma listou alguns objetivos. E cada um deles representa um percentual desse valor. Entre eles estão:

  • Participação em determinado número de partidas na Europa
  • Convocação para a disputa das Olimpíadas de Paris, entre julho e agosto de 2024
  • Conquista de um título com a Roma, seja nacional ou internacional.

Mourinho quer contar com Marcos Leonardo

Um dos fatores que aumentam o desejo dos empresários e do próprio jogador pelo negócio é a vontade do badalado técnico Mourinho de contar com Marcos Leonardo.

O treinador, inclusive, tratou de conversar com o próprio centroavante e seus representantes recentemente para manifestar esse interesse.

Foto de Bruno Lima

Bruno Lima

Bruno Lima nasceu em Santos (SP) e se formou em Jornalismo na Universidade Católica de Santos (UniSantos) em 2010. Antes de escrever para Trivela, passou por A Tribuna.
Botão Voltar ao topo