Brasileirão Série A

Novo protocolo da CBF causa confusão, e Kannemann desfalca Grêmio mesmo podendo jogar

Pioneiro, protocolo de concussão da CBF deixou dúvida sobre a condição de Kannemann, que sofreu pancada na cabeça, para o jogo do Grêmio contra o Athletico-PR

O Grêmio foi pioneiro de um novo protocolo da CBF, que gerou confusão para o jogo do Tricolor Gaúcho contra o Athletico-PR, às 19h desta quarta-feira (17), na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Após sofrer pancada na cabeça e ser substituído ainda no primeiro tempo da derrota por 2 a 1 para o Vasco da Gama, no último domingo (14), na estreia gremista, em São Januário, havia dúvida se Kannemann poderia atuar diante do Furacão. A resposta definitiva é sim. Mas, no final de contas, o zagueiro ficará de fora da partida.

Segundo o protocolo de concussão — implementado recentemente pela CBF, e que é inédito no futebol mundial — as equipes podem acioná-lo em casos de choque de cabeça. Neste caso, ganham uma substituição extra para fazer, assim como o adversário. Porém, o atleta em questão não poderá atuar nos cinco dias seguintes. Inicialmente, depois do choque de cabeça de Kannemann contra o Vasco, o Grêmio recorreu ao protocolo. Mas, conforme relatado pelo árbitro em súmula, o Tricolor Gaúcho voltou atrás no intervalo.

Mesmo com condições legais, Kannemann sequer foi relacionado, e fica de fora da partida

Nesta quarta-feira (17), a CBF explicou a situação por meio de nota, e confirmou que, como o protocolo não foi aplicado, Kannemann poderia jogar antes dos cinco dias previstos. Porém, diante da dúvida que pairava até então, o zagueiro não foi relacionado pelo Grêmio para a partida, e sequer concentrou com os demais companheiros.

Com isso, Gustavo Martins, que foi quem entrou no lugar de Kannemann contra o Vasco, será titular ao lado de Geromel, que retorna após ser preservado da viagem ao Rio de Janeiro. Rodrigo Ely inicia no banco de reservas. O Grêmio está escalado por Renato Portaluppi com Marchesín; Fábio, Geromel, Gustavo Martins e Cuiabano; Villasanti e Dodi; Pavón, Cristaldo e Soteldo; João Pedro Galvão.

Confira a nota da CBF sobre Kannemann

No último domingo, 14 de abril de 2024, durante a partida entre Vasco da Gama SAF e Grêmio Football Porto Alegrense, foi comunicado ao quarto árbitro que a substituição do atleta Walter Kannemann seria feita através do uso do cartão específico para Concussão Cerebral. Posteriormente, o médico de campo do Grêmio comunicou que foi utilizada a substituição regular e não por concussão cerebral. Embora o procedimento não tenha sido o adequado, e após o recebimento do relatório do Departamento Médico do Grêmio, constatou-se que não foi utilizada a substituição por concussão no caso em questão. De qualquer forma, em se tratando de um procedimento recentemente implantado nas regras do jogo, onde a CBF é pioneira em todo o mundo a utilizar essa nova regra, é extremamente importante para a proteção dos atletas reforçar os mecanismos de utilização do Protocolo para a Substituição por Concussão Cerebral“.

Foto de Nícolas Wagner

Nícolas Wagner

Gaúcho e formado em Jornalismo pela PUC-RS, já passou pela Rádio Grenal e pela RDC TV. É, também, coordenador de conteúdo da Rádio Índio Capilé.
Botão Voltar ao topo