Brasileirão Série A

Sonhando com tetra, Atlético-MG visa manter bom retrospecto em estreia no Brasileirão

Um dos candidatos ao título, o Atlético busca iniciar o Brasileirão mantendo sua boa média em estreias nos pontos corridos

O Campeonato Brasileiro começa neste domingo (14) para o Atlético-MG. Às 16h, o Galo encara o Corinthians, na Neo Química Arena, com a missão de manter seu bom retrospecto em estreias do nacional desde o início dos pontos corridos. O Alvinegro sonha com o tetracampeonato Brasileiro e é um dos candidatos ao título.

Apesar de ter sido derrotado no último ano, o Atlético tem um bom retrospecto em estreias do Brasileirão desde que os pontos corridos foram implementados, em 2003. Por coincidência, naquele ano, o adversário foi o Corinthians fora de casa, e o resultado foi dos melhores possíveis, já que acabou vencendo por 3 a 0. O Galo ainda enfrentou os paulistas em outra primeira rodada, a de 2014, empatando por 0 a 0 no Mineirão.

Ao todo, o Atlético tem um retrospecto de nove vitórias, oito empates e apenas três derrotas, dando 58,3% de aproveitamento. Confira os resultados das estreias do Galo no Brasileirão por pontos corridos:

  • 2003: Corinthians 0x3 Atlético
  • 2004: Palmeiras 0x0 Atlético
  • 2005: Atlético 4×1 Figueirense
  • 2006: Atlético disputou a Série B
  • 2007: Atlético 2×1 Náutico
  • 2008: Atlético 0x0 Fluminense
  • 2009: Avaí 2×2 Atlético
  • 2010: Atlético 2×1 Vasco
  • 2011: Atlético 3×0 Athletico-PR
  • 2012: Ponte Preta 0x1 Atlético
  • 2013: Coritiba 2×1 Atlético
  • 2014: Atlético 0x0 Corinthians
  • 2015: Palmeiras 2×2 Atlético
  • 2016: Atlético 1×0 Santos
  • 2017: Flamengo 1×1 Atlético
  • 2018: Vasco 2×1 Atlético
  • 2019: Atlético 2×1 Avaí
  • 2020: Flamengo 0x1 Atlético
  • 2021: Atlético 1×2 Fortaleza
  • 2022: Atlético 2×0 Internacional
  • 2023: Atlético 1×2 Vasco

O Galo na Neo Química Arena

O Atlético vai até a Neo Química Arena pela 13ª vez na história. Nos sete primeiros jogos, o Galo viveu um longo tabu e não conseguiu vencer o Corinthians em sua casa. Mas, nos últimos cinco, as coisas mudaram um pouco. Foram três vitórias atleticanas seguidas nesse recorte, mas o Corinthians voltou a vencer no penúltimo jogo, inclusive eliminado assim o Galo da Copa do Brasil.

No último jogo entre eles em São Paulo, empate por 1 a 1 na reta final do último Campeonato Brasileiro. Com o jogo deste domingo, o Corinthians se tornará, ao lado do Vasco, o time que o Atlético mais enfrentou em estreias do Brasileirão neste século.

O sonho do tetra para o Atlético

O Atlético é um dos candidatos ao título do Brasileirão 2024, mas não terá vida fácil. Além dos concorrentes naturais dos últimos anos, Flamengo e Palmeiras, o Galo viu muitos adversários se reforçarem e chegarem fortes na disputa, como o Internacional, o Botafogo e o São Paulo, por exemplo. O Galo sonha com o tetra nacional, mas divide atenções com a Libertadores e a Copa do Brasil. A competição continental é o maior desejo no clube na temporada.

Com Gabriel Milito no comando, o Atlético tenta mostrar que continua no top 3 dos favoritos ao título. A temporada será longa e o Galo vai precisar demonstrar regularidade para chegar no final disputando o título do Brasileiro. Para isso, conta com a dupla Hulk-Paulinho, que brilharam em 2023 e podem fazer história em 2024. Com o argentino, o Alvinegro soma quatro jogos, três vitórias e um empate, e vem embalando do título Mineiro e de uma grande vitória pela Libertadores.

Acredite: não vencer pode ser ponto positivo

É claro que o Atlético entrará em campo em busca da vitória neste domingo, mas, caso não consiga, o Galo não tem porque se preocupar, pelo contrário. Além do óbvio motivo de ser só a primeira de 38 rodadas, há a superstição de que o Alvinegro só foi campeão do nacional quando estreou sem vencer.

Em 1937, quando venceu o que é hoje considerado pela CBF o primeiro Campeonato Brasileiro, o Atlético estreou na competição sofrendo uma sonora goleada de 6 a 0 para o Fluminense. Já em 1971, quando voltou a levantar a taça, empatou por 1 a 1 na primeira rodada contra o América. Por fim, em 2021, o Galo perdeu para o Fortaleza em pleno Mineirão. Em todos esses anos, o Alvinegro recuperou-se e saiu com a taça.

Foto de Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick

Alecsander Heinrick se formou em Jornalismo na PUC Minas em 2021. Antes da Trivela, passou por Esporte News Mundo, EstrelaBet e Hoje em Dia.
Botão Voltar ao topo