Brasil

Botafogo ‘deixa’ o Carioca de forma digna e, enfim, vai poder focar na Copa Libertadores

Goleada sobre o Fluminense, no Maracanã, faz o time do Botafogo sair da disputa do título do Carioca de cabeça em pé e embalado para a Libertadores

Apesar da goleada sobre o Fluminense, neste domingo (3), o Botafogo está fora das semifinais do Campeonato Carioca pelo segundo ano seguido. Com a vitória do Vasco sobre a Portuguesa, o Glorioso acabou ficando fora do G-4 da Taça Guanabara. Apesar de agora ainda ter que disputar, mais uma vez, a Taça Rio, o clube vai poder, enfim, fazer o que parecia ser o desejo da diretoria desde o começo: focar 100% na Copa Libertadores. Ainda assim, o Botafogo conseguiu deixar a fase principal do Carioca com uma boa impressão para a sequência da temporada.

Depois de um começo irregular do Campeonato Carioca, ficando quase toda a Taça Guanabara fora do G-4, e da turbulência gerada pelo então técnico Tiago Nunes depois da derrota no clássico com o Vasco, há duas semanas, o Botafogo conseguiu encerrar a primeira fase de forma digna, com duas vitórias seguidas, sendo a última delas um categórico 4 a 2 sobre o Fluminense, conquistado com autoridade, no Maracanã.

Depois da saída de Tiago Nunes, o Botafogo venceu o Audax, por 2 a 0, já sob o comando do interino Fábio Matias, na última semana. Assim, o clube marcou seis gols e sofreu apenas dois nestas últimas partidas da Taça Guanabara.

O time acabou pagando pela irregularidade no período com Tiago Nunes, quando acumulou derrotas nos clássicos para o Flamengo e o Vasco, além de outro resultado negativo contra o Boavista. O Botafogo também teve outros dois empates contra times de menor investimento. E, nas duas ocasiões, contra a Portuguesa e o Nova Iguaçu, o Glorioso saiu na frente e acabou cedendo o empate, revivendo traumas de 2023.

Dessa forma, os últimos resultados do Carioca ao menos amenizam um pouco a vergonha que é ficar, mais uma vez, fora dos quatro melhores do Estadual. E a postura do time no clássico com o Fluminense ainda aumenta a esperança da torcida do Botafogo de que o time pode voltar a viver bons momentos e brigar por situações melhores nesta temporada.

Clube agora vai focar 100% na Libertadores

Fora das semifinais do Carioca, o Botafogo vai poder fazer algo que o clube aparentava querer desde o começo de 2024: focar totalmente na Copa Libertadores e em chegar na fase de grupos da competição. No último sábado (2), antes do clássico com o Fluminense, o próprio John Textor deixou público que foco do clube é na quarta-feira (6), quando o time enfrenta o Red Bull Bragantino, às 21h30 (horário de Brasília), no Nilton Santos, pelo jogo de ida da terceira fase da Libertadores.

– Animado para ver alguns novos rostos do Botafogo amanhã (domingo) contra o Fluminense. A prioridade é quarta-feira, Libertadores, contra o Bragantino – publicou John Textor no Twitter/X.

Desde o começo de 2024, o Botafogo já indicava que o principal foco do clube neste começo de temporada seriam as fases prévias da Copa Libertadores. O técnico Tiago Nunes rodou o elenco no começo do Carioca, utilizando jogadores que tinham poucos minutos em campo, para testar os jogadores e encontrar a melhor formação para chegar com o time entrosados nas duas prévias da competição continental.

Agora, o clube ainda vai precisar disputar a Taça Rio, torneio disputado entre os clubes que ficam entre a 5 e a 8 colocação da Taça Guanabara. Assim, o Glorioso vai enfrentar o Sampaio Corrêa, de Saquarema, na semifinal. O primeiro jogo acontece no próximo domingo (10), no Elcyr Resende, em Bacaxá, e a volta acontece no Nilton Santos, no dia 16, no Nilton Santos.

No entanto, a tendência é de que o Botafogo utilize um time alternativo ao menos no primeiro jogo contra a Sampaio Corrêa, que vai acontecer justamente entre os dois jogos contra o Red Bull Bragantino, pela Copa Libertadores.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor de Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo