Brasil

Almada ignora Lyon e garante foco no Botafogo, mas só depois das Olimpíadas

Contratação mais cara da história do Botafogo, Thiago Almada só vai estrear pelo clube depois dos jogos de Paris 2024

O Botafogo apresentou, nesta terça-feira (9), a contratação mais cara da sua história. No Nilton Santos, o meia-atacante Thiago Almada vestiu a camisa alvinegra e concedeu a sua primeira entrevista coletiva como jogador do clube.

E, é claro, o argentino de 23 anos falou sobre a possibilidade desta passagem pelo Botafogo ser meteórica.

Contratado em uma negociação que pode chegar a R$ 137,4 milhões, Thiago Almada assinou contrato com o Botafogo válido até 2029. De acordo com o próprio John Textor, dono da SAF do Glorioso, o meia-atacante irá para o Lyon, da França, em janeiro de 2025.

Em sua apresentação, Almada desconversou sobre o futuro no clube francês, que também pertence a Textor.

– Assinei por cinco anos com o Botafogo. Tenho o foco 100% no Botafogo. Depois podemos falar do meu futuro, mais para frente. Primeiro, quero dar 100% no Botafogo, tratar de ganhar algum título, e depois ver o que passa no meu futuro – afirmou Thiago Almada, em coletiva, no Nilton Santos.

Além da possibilidade de ir para o Lyon em janeiro, Thiago Almada ainda vai dividir a atenção, neste começo de passagem no Botafogo, com os Jogos Olímpicos. Por um acordo entre as partes, o meia-atacante foi liberado para defender a Argentina em Paris 2024.

Assim, ele só vai estrear pelo Botafogo em agosto. A expectativa é de que este primeiro jogo seja na partida de ida das oitavas de final da Copa Libertadores, contra o Palmeiras, no Nilton Santos.

– Primeiro queria chegar aqui, assinar os papeis, conhecer os companheiros. Viajo amanhã (quarta) para Paris, muito contente com o chamado para defender a Argentina. Quando me chamaram (para o Botafogo), gostei do projeto. Tem a Libertadores, todos os torneios do Brasil. Primeiro vou pensar nos Jogos Olímpicos, depois volto 100% para o Botafogo – disse o argentino.

https://www.youtube.com/live/5f2_u8kUXdg?si=8ojRoOcEeedML7sC

Sonho com a Copa Libertadores

Revelado pelo Velez, da Argentina, Thiago Almada vai ter a oportunidade de disputar a Copa Libertadores pela segunda vez. Em 2021, ele defendeu o clube argentina na competição. Naquela ocasião, o time foi eliminado nas oitavas de final. Agora, com o Botafogo, o argentino quer brigar pelo título.

– Não penso nisso de ser o mais caro. Trato de vir aqui e mostrar porque me compraram dentro do campo. Meu objetivo é dar o melhor ao clube, 100%, ajudar o Botafogo, ganhar títulos. A Libertadores é um sonho – disse Almada.

Além de conquistar a Libertadores, Almada também tem outro objetivo: voltar a ser convocado para a seleção principal da Argentina. Ele foi campeão do mundo em 2022 ao lado de Messi e companhia, mas perdeu espaço no grupo de Lionel Scaloni na atual temporada, ficando fora da convocação para a Copa América.

– Se eu fizer as coisas bem no Botafogo e mostrando um bom nível acredito que terei a oportunidade a seleção da Argentina – afirmou o meia-atacante.

Como Almada pode jogar no Botafogo

Camisa 23 do Botafogo, Thiago Almada atuou no Atlanta Unites, seu ex-clube da MLS, como meia centralizado e meia pelo lado esquerdo. Na sua apresentação, ele falou como pode atuar pelo Glorioso.

– Entro em campo e me sinto cômodo jogando como um camisa 10 ou de meia pelos lados do campo. Não tenho problemas. Vou jogar onde o técnico me pedir – afirmou Thiago Almada.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel RodriguesSetorista

Jornalista formado pela UFF e com passagens, como repórter e editor, pelo LANCE!, Esporte News Mundo e Jogada10. Já trabalhou na cobertura de duas finais de Libertadores in loco. Na Trivela, é setorista do Vasco e do Botafogo.
Botão Voltar ao topo